Pesquisar

Canais

Serviços

Pixabay
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Entenda como vai funcionar

Educação publica matriz curricular do Novo Ensino Médio, válida a partir de 2022

Redação Bonde com AEN
17 dez 2021 às 18:04
Continua depois da publicidade

A Seed-PR (Secretaria de Estado da Educação e do Esporte) publicou, nesta sexta-feira (17), a matriz curricular do Novo Ensino Médio na rede estadual de ensino. A Instrução Normativa Conjunta nº008/2021 passa a valer a partir do ano letivo de 2022. 

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


O Novo Ensino Médio será composto pela FGB (Formação Geral Básica), que contempla as competências e habilidades previstas na BNCC (Base Nacional Comum Curricular), e pelos itinerários formativos.  

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


A carga horária também foi ampliada, passando de 800 para 1.000 horas anuais. No decorrer dos três anos, os estudantes terão três mil horas-aula, sendo 1.800 destinadas para a FGB e 1.200 para a realização dos itinerários formativos. 


A FGB, na primeira série do Ensino Médio, terá 24 horas-aula semanais, diminuído para 18 na segunda série e 12 na terceira. De forma inversa, os itinerários formativos terão seis horas-aula na primeira série, 12 na segunda e 18 na terceira. Dessa forma, todas as séries terão 30 horas-aula semanais.  


A implantação do novo modelo ocorrerá gradualmente. Iniciando pelos 1° ano do Ensino Médio em 2022, passando para o 2° ano em 2023 e finalizando no 3° em 2024. Os estudantes que já estão cursando o Ensino Médio não serão afetados, continuando, portanto, na matriz curricular atual.  

Continua depois da publicidade

 

Itinerários Formativos 


No primeiro ano, as seis horas-aula semanais do itinerário formativo serão Educação Financeira, Projeto de Vida e Pensamento Computacional. A Educação Financeira, que já havia entrado na grade curricular do Ensino Médio deste ano com uma aula, será ampliada. Nessa parte do itinerário, existem adaptações conforme a modalidade da instituição, como nos Colégios Cívico-Militares, Indígenas, Quilombolas e em Tempo Integral. 


Nas segundas e terceiras séries, quando a carga horária dos itinerários será ampliada, o estudante poderá escolher um itinerário formativo do seu interesse para se aprofundar, seja em Linguagens e suas Tecnologias e Ciências Humanas e Sociais ou em Matemática e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias. 


Para escolher entre os itinerários, o estudante terá as aulas do Projeto de Vida, nas quais irá desenvolver habilidades e receber apoio para pensar sobre seus objetivos e sonhos acadêmicos e profissionais. Dessa maneira, eles estarão mais preparados para optar por um itinerário formativo. 


Aulas semanais 


A organização da matriz curricular feita pela Seed garante que cada disciplina tenha ao menos duas aulas por semana. No entanto, devido à nova organização do Ensino Médio, que reduziu os componentes da base comum de 2,4 mil para 1,8 mil horas, algumas disciplinas não estarão presentes em todos os anos da modalidade. 


Física, por exemplo, terá duas aulas semanais no primeiro e outras duas no terceiro ano. História terá duas aulas semanais no primeiro e outras duas no segundo ano. Apesar disso, os conteúdos dessas disciplinas estarão presentes nas aulas dos itinerários formativos, a depender da escolha do estudante. 


Matriz curricular  


A construção da matriz foi feita com base no referencial curricular aprovado em julho pelo CEE-PR (Conselho Estadual de Educação) e nas consultas à comunidade realizadas para o referencial e para o currículo do novo modelo. 

Continue lendo