Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Em negociação

Direção do Milan reduz pedida por Robinho ao Santos

Agência Estado
05 jul 2013 às 13:50
Publicidade
Publicidade

A tentativa do Santos de contratar o atacante Robinho ganhou uma nova esperança. A advogada do jogador, Marisa Ramos, se reuniu com a diretoria do Milan, que aceitou reduzir a pedida pelo atacante. Ela, inclusive, já passou os novos valores para a diretoria do Santos.

A representante está otimista com a possibilidade de Robinho voltar a defender o Santos e ressaltou que agora a decisão está nas mãos da diretoria do clube. "Agora só depende do Santos. O pedido foi consideravelmente reduzido. Como diz o hino, agora quem dá bola é o Santos", disse.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


O pedido inicial do Milan seria de 10 milhões de euros (R$ 29 milhões) pela liberação do jogador. A esperança do Santos, porém, era de que o Milan, que deseja contratar o japonês Honda, levasse em consideração que em dezembro Robinho já poderá assinar pré-contrato com um novo clube, e baixasse o seu pedido para um valor em torno de 6 ou 7 milhões de euros, considerado razoável pelos santistas, o que parece ter acontecido na reunião entre a representante e o clube italiano.

Leia mais:

Imagem de destaque
Em meio a polêmicas

Presidente da La Liga quer Vini Jr embaixador após aposentadoria

Imagem de destaque

São Paulo vê três notícias boas (e outras três ruins) antes de encarar Ceni

Imagem de destaque
Artilheiro

Pedro faz gol de tudo que é jeito no Flamengo

Imagem de destaque
Até 2029

Palmeiras anuncia a contratação do lateral argentino Agustín Giay


Presidente em exercício do Santos, Odílio Rodrigues havia revelado anteriormente otimismo na possibilidade de contratar Robinho. E a representante do atacante garantiu que o atacante está pedindo um salário muito abaixo do que ganharia no Milan. Ela lembrou também que o jogador ainda tem mercado na Europa.

Publicidade


Segundo a representante, o Santos está agora fazendo contas para definir se aceita os valores pedidos pelo Milan, mas não revelou os números que foram apresentados ao clube. Além disso, ela ressaltou a necessidade do caso ter um desfecho rápido.


Aos 29 anos, Robinho foi reserva do Milan durante quase toda a temporada 2012/2013 do futebol europeu, quando disputou 27 partidas pelo clube, com apenas dois gols marcados. Assim, um retorno ao País poderia ajudar o atacante a voltar a reeditar as suas melhores atuações e retornar para a seleção brasileira.

Formado nas categorias de base do Santos, Robinho deixou o clube consagrado em 2005, com a conquista de dois títulos do Campeonato Brasileiro, em 2002 e 2004. Ele retornou ao time em 2010, em um rápido período de empréstimo, e venceu o Campeonato Paulista e a Copa do Brasil. Agora, seu possível retorno poderia ajudar a compensar, em parte, a perda de Neymar, vendido ao Barcelona.


Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade