Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Acusação

Remédio para largar o cigarro induz ao suicídio

Redação Bonde
07 jan 2011 às 15:55
- Reprodução
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A Pfizer enfrenta centenas de ações judiciais nos Estados Unidos. Usuários do Champix, remédio usado para abandonar o cigarro, acusam de que o medicamento provocaria depressão e tendência suicida.

Em comunicado, a Pfizer diz que apenas quando o produto já estava no mercado é que "houve relatos de possíveis alterações psiquiátricas, agitação e pensamentos suicidas em pacientes tentando parar de fumar com o medicamento".

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade


A empresa diz que não há comprovação entre a relação do uso do Champix e esses problemas.

Leia mais:

Imagem de destaque
20 atendimentos por dia

Clínica de Fisioterapia busca pacientes com lesões neurológicas e gestantes para atendimento gratuito em Londrina

Imagem de destaque
Visibilidade e direitos

Paraná promove mutirão para emissão da Carteirinha do Autista

Imagem de destaque
Na próxima quarta

'Por que o intestino é considerado o segundo cérebro?' é tema de live da Associação Médica de Londrina

Imagem de destaque
Saiba como tratar

Incontinência urinária é mais comum em mulheres

Um juiz federal analisa o grande número de ações contra a Pfizer apresentadas por familiares de usuários ou antigos adeptos do Champix. A vareniclina, base do medicamento, é autorizada em mais de 80 países, incluindo Estados Unidos, Brasil e na União Europeia (com R7).


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade