Pesquisar

Canais

Serviços

- Reprodução
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Setembro Lilás

Profissionais da saúde promovem atividades sobre Alzheimer em Londrina

Redação Bonde com N.Com
10 set 2019 às 09:14
Continua depois da publicidade

Nesta terça (10) e quarta-feira (11), o Instituto Não me Esqueças, em parceria com a Prefeitura de Londrina, promove atividades com o objetivo de debater questões sobre doenças neurodegenerativas, com foco no Alzheimer. As ações são gratuitas e direcionadas para o público em geral. Não há necessidade de inscrição prévia nas atividades. As ações promovidas integram a programação da campanha Setembro Lilás.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Na terça-feira, às 19h, a palestra "Alzheimer: a prevenção começa pela boca" vai acontecer no Auditório 1 da Catedral Metropolitana de Londrina, localizada na travessa Padre Eugênio Herter, nº 33, no Centro da cidade.

Continua depois da publicidade


O primeiro evento tem a lotação máxima de 60 pessoas. A atividade vai ser ministrada pelo cirurgião dentista e diretor do Departamento de Odontologia para Pacientes Especiais, da ABCD-PR (Associação Brasileira de Cirurgiões Dentistas – seção Paraná), Guilherme Genovez Júnior.


Já na quarta-feira vai ser realizada uma mesa-redonda no auditório do Sinduscon (Sindicato das Indústrias da Construção Civil), localizado na avenida Maringá, nº 2.400. Profissionais de geriatria vão estar presentes na atividade para abordar o Alzheimer em um panorama geral.

Elaine Mateus, presidente do Instituto Não me Esqueças, aponta que o objetivo das ações é sensibilizar a população sobre a importância de se conhecer melhor a doença e buscar o diagnóstico nos primeiros sintomas. "O Alzheimer não tem cura, mas o tratamento correto contribui para a qualidade de vida, não apenas do portador como também de seus familiares. Além disso, essas atividades respondem a uma demanda da Organização Mundial da Saúde (OMS), que categoriza a demência como uma prioridade de saúde pública, e por meio das campanhas de conscientização buscamos reduzir os estigmas que são gerados por mitos e desinformações a respeito da doença", explicou.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade