Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Música

Shakira e Calle 13 são os destaques do Grammy Latino

Redação - Bonde
03 nov 2006 às 11:54
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A cantora pop colombiana Shakira e a dupla Calle 13 foram os grandes vencedores da sétima edição do Grammy Latino, que ocorreu na noite desta quinta-feira (02), em Nova York. Shakira venceu em cinco categorias. Seu "Fijacion Oral Volume 1", levou os prêmios de melhor álbum, melhor álbum pop feminino e melhor engenharia de gravação. O single "La Tortura", em que Shakira canta com Alejandro Sanz, foi premiado como melhor gravação e melhor canção.

Segundo a Folha Online, a dupla de meio-irmãos Rene Perez, e Residente, e Eduardo Cabra, o Visitante, do Calle 13, levou os prêmios Grammy de melhor álbum de música urbana (pelo seu disco de estréia), melhor revelação e melhor clip promocional de uma faixa por "Atrevete Te, Te!". Eles são os responsáveis pela popularização do reggaeton, uma variação latina do hip-hop.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade


Entre os brasileiros, que não concorreram em nenhuma das principais categorias, o destaque foi Maria Rita, premiada por melhor canção ("Caminho das Águas", de Rodrigo Maranhão) e melhor álbum de Música Popular Brasileira ("Segundo"). Adriana Calcanhoto venceu na categoria álbum infantil latino pelo disco ao vivo "Adriana Partimpim - O Show". O último de Roberto Carlos levou como melhor álbum de música romântica.

Leia mais:

Imagem de destaque
"Confio plenamente na justiça"

Val Marchiori se pronuncia após denuncias feitas contra seu ex-marido por violência doméstica

Imagem de destaque
Passou por mais uma cirurgia

Faustão: Para quem fez um transplante do coração, o de rim é mais tranquilo, diz o apresentador

Imagem de destaque
"Tive muita sorte de sair vivo"

Ator de '50 Tons de Cinza' precisou ser internado após contato com lagartas

Imagem de destaque
Shannen Doherty

Com câncer, atriz de 'Barrados' faz lista de quem não entrará em funeral

O álbum "Timeless", de Sérgio Mendes, foi escolhido como melhor álbum pop contemporâneo brasileiro. Os demais premiados na seção brasileira foram Paralamas do Sucesso (melhor álbum de rock brasileiro por "Hoje"), Marisa Monte (melhor álbum de samba/pagode por "Universo Ao Meu Redor"), Chitãozinho e Xororó (melhor álbum de música regional ou de raízes brasileiras, por "Vida Marvada") e Aline Barros (melhor álbum de música cristã em língua portuguesa, por "Aline Barros & Cia.").


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade