Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Sucatas e conservados

Londrina e Maringá terão leilão de veículos retidos e abandonados

Redação Bonde com PRF
05 out 2022 às 14:54
- Divulgação/PRF
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) fará um leilão virtual de veículos retidos, abandonados, removidos ou recolhidos por qualquer motivo e que estejam há mais de 60 dias nos pátios das Unidades Operacionais nas regiões de Londrina e Maringá.


As sessões públicas de lotes de sucata com motor aproveitável e inservível, além de veículos conservados, são feitas exclusivamente no sistema eletrônico on-line, por meio deste site.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Os veículos considerados conservados podem retornar a circular em via pública após pagamento das respectivas taxas e recolocados em circulação após revisão técnica exigida pelo órgão de trânsito, não havendo relação alguma com sua conservação visual ou com a aparência estética de sua lataria e demais equipamentos.

Leia mais:

Imagem de destaque
Projeção

Montadoras revisam prazos para eletrificar carros e evitam falar do fim dos motores a combustão

Imagem de destaque
CONFIRA O CALENDÁRIO

Prazo da 2ª parcela do IPVA para veículos com final de placa 1 e 2 termina na segunda (19)

Imagem de destaque
Será?

Prost fala sobre Senna e diz que era subestimado: 'Em corridas, eu era mais rápido'

Imagem de destaque
Balanço

Carnaval: Motociclistas foram metade das vítimas mortas em acidentes nas BRs no Paraná


Já as sucatas são veículos que estão impedidos de circulação em vias públicas e se destinam exclusivamente ao desmonte e ao reaproveitamento de suas peças. Neste caso, só podem ser adquiridas por pessoas jurídicas previamente cadastradas.

Publicidade


Serviço



Próxima sessão pública: 8 de outubro, às 9h.

Publicidade


Veículos recolhidos na região de Londrina e Maringá.


98 sucatas com lances mínimos entre R$ 30 e R$ 3 mil.


74 veículos conservados com lances mínimos entre R$ 300 e R$ 7,9 mil.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade