Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Londrinense é pé frio?

Maiores prêmios do Nota Paraná saem para Curitiba, Guarapuava e Araucária

Redação Bonde com AEN
11 set 2023 às 12:15
- Gilson Abreu/AEN
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O Nota Paraná contemplou consumidores das cidades de Curitiba, Guarapuava e Araucária com os três maiores prêmios do sorteio de setembro, realizado nesta segunda-feira (11). A premiação máxima, de R$ 1 milhão, ficou com um morador da Cidade Industrial de Curitiba. Ele concorreu com cinco bilhetes, gerados a partir de cinco notas fiscais, referentes a compras feitas no mês de maio. O bilhete premiado foi o de número 25987942.


O prêmio de R$ 100 mil saiu para uma consumidora de Guarapuava, bairro Centro. Ela concorreu com 60 bilhetes eletrônicos, gerados a partir de 12 notas fiscais. O bilhete sorteado foi o de número 17856750. Já o terceiro prêmio, no valor de R$ 50 mil, foi para uma moradora de Araucária, que teve o bilhete de número 6964898 contemplado. E concorreu com seis bilhetes gerados a partir de 5 notas fiscais.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade


Além dos maiores valores, dez consumidores são premiados nos sorteios mensais do Nota Paraná com R$ 10 mil. Outras 15 mil pessoas recebem R$ 50.

Leia mais:

Imagem de destaque
Concurso 2.695

Mega-sena acumula de novo e prêmio pode chegar a R$ 205 milhões

Imagem de destaque
Aumento de 8,64%

Municípios do Paraná recebem R$ 1,03 bilhão em repasses em fevereiro

Imagem de destaque
Funciona a partir desta sexta

Novo sistema FGTS Digital entra em vigor nesta sexta-feira; veja o que muda

Imagem de destaque
Uma bolada

Mega-sena acumula novamente e prêmio pode chegar a R$ 185 milhões


O programa também devolve aos contribuintes cadastrados parte do ICMS pago nas compras no comércio varejista do Estado. Para verificar se possui bilhetes premiados, o consumidor deve acessar seu cadastro no aplicativo (versões Android e iOS) ou no site do Nota Paraná e inserir CPF e senha. Não são encaminhadas mensagens por WhatsApp nem por outros aplicativos.

Publicidade

Últimas notícias

Publicidade