Pesquisar

Canais

Serviços

- Bruno Amaral/ Defesa Social
Trabalho da Guarda Municipal

Acionamento do botão do pânico já prendeu quase 100 homens em Londrina

Rafael Machado/ Grupo Folha
31 ago 2021 às 17:54
Continua depois da publicidade

Em pouco mais de nove meses em operação em Londrina, o acionamento do botão do pânico por mulheres vítimas de violência doméstica terminou na prisão de 96 homens. As detenções foram feitas pela Patrulha Maria da Penha, que pertence à Guarda Municipal. Desse total, 64 agressores já eram obrigados a não se aproximar das vítimas por medidas protetivas.

Continua depois da publicidade


O balanço foi enviado pelo secretário de Defesa Social, Pedro Ramos, após pedido da Câmara Municipal. O levantamento abrange os dias 20 de novembro de 2020 a 10 de agosto deste ano. Nesse período, foram 308 atendimentos, ou seja, quase um por dia. A maioria corresponde a ocorrências envolvendo homens com determinação judicial de distanciamento das mulheres. 

Continua depois da publicidade


Leia mais na Folha de Londrina

Continue lendo