Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Londrina

Gleba Palhano terá sinaleiros financiados por moradores

Auber Silva - Redação Bonde
24 nov 2015 às 16:24
- Reprodução/Pixabay
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Incomodados com acidentes e situações de risco no cruzamento entre as ruas Ernâni Lacerda de Athayde e Eurico Hummig, moradores da Gleba Palhano (zona sul de Londrina ) resolveram não esperar o poder público e utilizar o fundo financeiro do Conselho de Condomínios Residenciais da Gleba Palhano (ConGP) para adquirir um equipamento necessário para a instalação de sinaleiros no encontro das vias.

De acordo com o presidente do ConGP, Janderson Macelo Canhada, a decisão foi tomada em reunião realizada no mês passado. "Estamos sempre em contato com o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina (IPPUL) e com a Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) para propor e discutir melhorias no bairro. A Gleba cresceu muito nos últimos anos e vai crescer ainda mais nos próximos meses. Hoje, há mais 20 torres em construção e um shopping que será aberto no começo do ano. As pessoas pensam que a sinalização da Gleba, por ser um bairro novo, é adequada, mas na realidade não é isto que acontece", afirma. Segundo ele, o equipamento custa quase R$ 7 mil e será cedido à prefeitura para acelerar o processo de instalação dos semáforos. Atualmente, a compra está na fase de orçamento.

Cadastre-se em nossa newsletter

A reportagem tentou contato com a presidente do IPPUL, Inês Dequech, para saber como anda o processo de planejamento urbano que permitirá a instalação da nova sinalização, mas as ligações não foram atendidas.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade