Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Estrutura de 15 metros de altura

Praça do monumento O Passageiro, na Norman Prochet, acumula lixo, vandalismo e até fezes

Pedro Marconi - Grupo Folha
22 mai 2024 às 13:35
- Pedro Marconi
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Um dos ícones da paisagem londrinense, o monumento O Passageiro está no meio do lixo e do vandalismo. 


A estrutura histórica de 15 metros de altura ficava na rotatória da avenida Dez de Dezembro com a Leste-Oeste, mas foi transferida há cerca de cinco anos para uma praça construída justamente com esta finalidade próxima à rua Norman Prochet. A mudança foi por conta da edificação do viaduto.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


No entanto, o espaço feito para funcionar como um mirante está abandonado. As bases do mirante estão todas pichadas, além disso, o mato toma conta. O cenário ainda é de muito lixo acumulado, como embalagens, restos de marmitas e até sapatos e roupas. 

Leia mais:

Imagem de destaque
Londrina

Conselho Universitário da UEL adere à Prova Paraná Mais com 20% das vagas do vestibular

Imagem de destaque
Regularização fiscal

Em Londrina, negociações do Profis 2024 ultrapassam os R$ 35 milhões

Imagem de destaque
Manutenção na rede

Desligamento de energia afeta abastecimento de água em bairros de Londrina e Cambé nesta quarta-feira

Imagem de destaque
Das 8h às 18h

Obras de ampliação de rede atingem abastecimento de água nesta quinta-feira no distrito de Maravilha em Londrina


A reportagem constatou vários produtos eletrônicos, como teclados e fones de ouvidos, aparentemente novos, no entanto, com os fios arrancados. Até fezes têm no lugar.

Publicidade


Uma das gaiolas de refletores foi quebrada e a luz e fiação furtados. A mureta que seria um banco está com a pintura desgastada e algumas rachaduras. No gramado existem dois pontos incendiados. 


“Um lugar que seria para valorizar a cidade está largado. Muitos moradores de rua e usuários de drogas ficam nessa praça, principalmente durante a noite. Gera insegurança em plena área central da cidade”, relatou uma moradora, que pediu para não ser identificada.

Publicidade


A área fica perto do Centro POP e de um salão onde é servida alimentação para pessoas em situação de rua, que durante o dia ficam em um terreno vazio. 


O espaço está a uma quadra de distância da sede operacional da GM (Guarda Municipal) e a poucos metros das avenidas Leste-Oeste e Celso Garcia Cid, duas das vias mais movimentadas e importantes do município.


Leia a reportagem completa na FOLHA DE LONDRINA:


Imagem
Praça do monumento O Passageiro acumula lixo, vandalismo e até fezes
Estrutura que custou cerca de R$ 800 mil tem sido usada por pessoas em situação de rua e usuários de drogas, segundo vizinhos
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade