Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Transtornos para usuários

Prefeitura de Londrina decide multar em R$ 500 mil empresa que atrasou obras no Bosque Central

Rafael Machado - Grupo Folha
30 mai 2022 às 18:45
- Micaela Orikasa/Grupo Folha
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A Prefeitura de Londrina resolveu multar em R$ 503 mil a empresa San Pio Construtora, de Pedrinhas Paulista (SP), pelos atrasos e por entregar a revitalização do Bosque Central inacabada. A decisão é resultado de um processo administrativo aberto pela Secretaria Municipal de Gestão Pública e saiu na última sexta-feira (27). 


O valor corresponde a 20% do contrato, avaliado em R$ 2,5 milhões no total. A ordem de serviço foi assinada em fevereiro de 2021. A previsão era que tudo estivesse pronto até julho, mas foram necessários dois aditivos, estendendo o prazo até dezembro do ano passado. 

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


No processo, fiscais da Secretaria de Obras incluíram vários e-mails enviados à terceirizada sobre os serviços incompletos, como acabamentos das calçadas, correção do piso tátil e finalização das muretas, da arquibancada e retirada do canteiro de árvores ao redor do bosque. 

Leia mais:

Imagem de destaque
Trajeto mais adequado

Viaduto da PUC congestiona Av. Tiradentes e melhor acesso à ExpoLondrina será a PR-445

Imagem de destaque
Duas vezes por semana

Entregas dos Correios nos distritos de Londrina são retomadas nesta quinta-feira

Imagem de destaque
Mutirões mensais

Hoftalon reduz prazo para cirurgias de catarata de pacientes já autorizados pelo SUS

Imagem de destaque
Conscientização

Polícia Militar apreende quatro carros e uma moto em blitz em Londrina


Depois de tanto transtorno, a obra foi entregue em janeiro de 2022 em uma cerimônia simples e sem o convite feito à imprensa, como geralmente acontece nos eventos do prefeito Marcelo Belinati (PP). Assim que a multa for publicada no Jornal Oficial do Município, a San Pio tem cinco dias para entrar com recurso. 


Veja as justificativas da empresa para os atrasos na FOLHA

Publicidade

Últimas notícias

Publicidade