Pesquisar

Canais

Serviços

- Reprodução/Google Maps
Continua depois da publicidade
A partir deste sábado

Santa Casa restringe atendimentos devido à superlotação

Viviani Costa e Luís Fernando Wiltemburg
Grupo Folha
19 out 2019 às 13:18
Continua depois da publicidade

A superlotação no pronto-socorro da Santa Casa de Londrina levou a direção do hospital a buscar alternativas para restringir o atendimento. Conforme o secretário municipal de Saúde, Felippe Machado, as dificuldades foram apresentadas em reunião realizada na tarde desta sexta-feira (18). Como medida emergencial, o hospital restringiu os atendimentos de urgência e emergência no pronto-socorro e deve suspender a realização de cirurgias eletivas a partir de segunda-feira (21).

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Segundo Machado, na manhã deste sábado (19), havia 29 pacientes no pronto-socorro. Outra medida deve reduzir ainda mais a taxa de ocupação. Os pacientes serão reavaliados para verificar a possibilidade de encaminhamento a outros hospitais de Londrina, como o Hospital Zona Norte e o Hospital Zona Sul, e unidades da região. Para o secretário, é possível equalizar a quantidade de pacientes referenciados.

LEIA MAIS: Valores de repasses e pacientes acima da cota levaram à redução de atendimentos


Compartilhar nas redes:

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade