Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Cabeça a prêmio

EUA oferecem US$ 25 milhões pela captura de Saddam

Redação - Folha de Londrina
03 jul 2003 às 18:34
Continua depois da publicidade

Os EUA anunciaram nesta quinta-feira uma recompensa de US$ 25 milhões aos iraquianos por informações que levem à captura e ao julgamento de Saddam Hussein ou provas de que ele está morto.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

O ex-presidente iraquiano Saddam Hussein tem o mesmo "preço" para os Estados Unidos que o homem mais procurado do mundo, o saudita Osama bin Laden, líder da rede terrorista Al Qaeda.

Continua depois da publicidade


Em 2001, os EUA anunciaram o prêmio de US$ 25 milhões a quem der informações que levem à captura de Bin Laden, acusado de ter planejado os ataques do 11 de Setembro contra o World Trade Center, em Nova York, e o Pentágono, na região de Washington.


Além dos US$ 25 milhões oferecidos por informações sobre Saddam, serão pagos até US$ 15 milhões por informações que levem à prisão dos filhos de Saddam, Uday e Qusay.


As recompensas, oferecidas pelo Departamento de Estado dos EUA dentro de seu programa Recompensas por Justiça, foram anunciadas pelo administrador civil no Iraque, Paul Bremer, em uma entrevista coletiva em Bagdá.

Continua depois da publicidade


Autoridades americanas disseram que o mistério sobre o destino de Saddam está encorajando a resistência contra a ocupação liderada pelos EUA. Desde que o presidente norte-americano George W. Bush declarou o fim dos principais combates no Iraque, no dia 1º de maio, 26 soldados dos EUA foram mortos por fogo hostil.

"Acreditamos ser importante fazer tudo o que for possível para determinar seu paradeiro, se ele está vivo ou morto, para ajudar a estabilizar a situação e fazer com que as pessoas em bagdá tenham absoluta certeza de que ele não vai voltar", disse o secretário de Estado americano, Colin Powell ,em Washington.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade