Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
992 toneladas produzidas

Com crescimento de 7%, Arapoti se mantém como maior produtor de mel do Brasil

Lucas Catanho - Especial para a Folha
11 mar 2024 às 08:30
- Gilson Abreu/AEN
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Localizada no extremo norte dos Campos Gerais, Arapoti manteve o posto de maior produtor de mel do Brasil, com um crescimento de 7% no volume de 2021 para 2022. É o que mostra a Pesquisa da Pecuária Municipal, divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).


A produção de mel no município subiu de 925,6 para 991,7 toneladas em um ano, conforme aponta a pesquisa. Em 2022, o VBP (Valor Bruto da Produção Agropecuária) do mel em Arapoti ultrapassou os R$ 13 milhões, segundo relatório do Deral (Departamento de Economia Rural).

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Danilo Augusto Scharr, engenheiro agrônomo do IDR-PR (Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná), explica que três fatores importantes contribuem para a produção de mel em Arapoti.

Leia mais:

Imagem de destaque
Fique atento!

Cambé emite alerta sobre golpe usando o nome da Vigilância Sanitária

Imagem de destaque
Sem danos

Abalo sísmico que atingiu Cambé tem magnitude 1,6 na Escala Richter

Imagem de destaque
2.176 vagas em Londrina

Agências do Trabalhador do Paraná começam a semana com 20,7 mil vagas

Imagem de destaque
Nada de cópia!

UEM investe em software para detectar e inibir plágio acadêmico


“Ampla área de reflorestamento de eucalipto no município, presença de uma espécie nativa arbórea (capixingui) que possui grande potencial apícola e a proximidade com os pomares de laranja no Estado de São Paulo”, lista.

Publicidade


TRÊS SAFRAS POR ANO


Ele explica que os apicultores em Arapoti têm a oportunidade de produzir mel em três safras distintas a cada ano.

Publicidade


“No início do ano temos a florada do eucalipto. Em seguida, logo após o inverno, os produtores migram seus apiários para o Estado de São Paulo com o objetivo de produzir mel utilizando a flor dos pomares de laranjas do estado vizinho. Mais próximo do final do ano, esses apiários retornam para o município visando a produção de mel da flor da capixingui”, detalha.


O engenheiro agrônomo acrescenta que há casos de produtores de Arapoti que estão migrando seus apiários para os estados de Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso, com foco na produção de mel proveniente da flor do cipó-uva.


Leia a reportagem completa na FOLHA DE LONDRINA:


Imagem
Com crescimento de 7%, Arapoti se mantém como maior produtor de mel do Brasil
Arapoti se destaca como maior produtor de mel do Brasil, com um crescimento de 7% no volume de 2021 para 2022. Saiba mais sobre os desafios e oportunidades na produção de mel no município.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade