Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Várias escolas na região de Londrina

Educação faz consulta pública para comunidade do Paraná decidir sobre modelo cívico-militar

AEN
13 nov 2023 às 18:42
- Lucas Fermin/SEED
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A Seed (secretaria de Estado da Educação do Paraná) lançou o edital a respeito da consulta pública que determinará a adesão de escolas estaduais de ensino regular ao modelo cívico-militar para o ano letivo de 2024. 


No total, são 127 escolas, listadas no edital (6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e do Ensino Médio), para decidir sobre a adesão, abrangendo aproximadamente 80 mil alunos da rede estadual - várias delas na região de Londrina.  

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Prevista para os dias 28 e 29 de novembro, a consulta pública será feita nas próprias escolas listadas, contando com a participação de professores, funcionários e pais de alunos matriculados na instituição. Estudantes maiores de 16 anos – conforme estabelecido em edital – também participam do pleito e, para votar, é necessário levar documento pessoal com foto.

Leia mais:

Imagem de destaque
PR-090

Ponte entre Porecatu e Alvorada do Sul será interditada para obras na próxima segunda-feira (26)

Imagem de destaque
Colisão

Trecho de ferrovia em Rolândia deve ser liberado ainda nesta segunda-feira

Imagem de destaque
UEPG

Museu prepara acervo de fotos para exposição sobre o Norte Pioneiro

Imagem de destaque
Atendimento remoto

Com E-Fórum, Paraná terá novos espaços para atendimentos do Judiciário


Os responsáveis terão direito a um voto por filho menor de idade matriculado na escola. Votará somente um responsável por CGM (Código Geral de Matrícula) do estudante. O resultado da votação deve ser divulgado no dia 5 de dezembro.

Publicidade


"O modelo dos colégios cívico-militares proporciona a ampliação do aprendizado devido à maior quantidade de aulas que é oferecida aos estudantes”, diz o secretário estadual da Educação do Paraná, Roni Miranda. “O processo aprimora a qualidade do ensino com aulas adicionais de português, matemática e da unidade curricular exclusiva de cidadania e civismo, que proporciona conhecimento das leis, da Constituição Federal, além do papel dos três poderes, e de valores como ética, respeito e cidadania", comenta o secretário.

MODELO CÍVICO-MILITAR NO PARANÁ


Combina elementos da gestão civil com a presença de profissionais militares da reserva (inativos) na administração e na rotina escolar, a escola cívico-militar integra práticas e valores com os princípios educacionais, visando promover um ambiente escolar mais cívico e voltado para o desenvolvimento integral dos alunos. As escolas cívico-militares foram instituídas no Paraná em 2020.

Publicidade


Com a implantação do Programa Colégio Cívico-Miliar do Paraná, em 2021, o Estado atingiu o número de 194 colégios funcionando nesta modalidade com o modelo estadual. Há ainda 12 escolas cívico-militares com o modelo do programa nacional, que por decisão do governo federal será descontinuado em 2024. Essas 12 escolas deverão passar à gestão do Estado. Somando as cívico-militares do modelo estadual e modelo nacional, são cerca de 121 mil alunos matriculados.


Instituídas a partir da demanda de comunidades de colégios em regiões com alto índice de vulnerabilidade social, baixos índices de fluxo e rendimento escolar, as escolas cívico-militares apenas podem funcionar em municípios que contém com menos duas escolas estaduais na área urbana. 


Confira o edital da Chamada Pública AQUI.


Imagem
Trincheira: Prefeitura de Londrina pode abrir novo processo contra empresa
A prefeitura pode abrir um novo processo de penalidade administrativa contra e empresa responsável pela construção da trincheira no cruzamento da avenida Leste-Oeste com a Rio Branco, na área central de Londrina.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade