Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Na América Latina

Maringá será pioneira em tratamento de resíduos de lixo

Redação Bonde
20 abr 2007 às 18:31
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A prefetura de Maringá assina na próxima segunda-feira (23), um Termo de Cooperação Técnica com o Consórcio Biopuster para a implantação e execução de um projeto piloto de tratamento de resíduos sólidos urbanos. A iniciativa é inédita na América Latina.

A tecnologia Biopuster para tratamento de resíduos é alemã, e consiste na injeção de ar comprimido enriquecido com oxigênio, através de lanças que podem alcançar até oito metros de profundidade. Estas "injeções" provocam a aceleração do processo de decomposição dos resíduos.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Depois de tratado, reduzido e inerte, os resíduos passam por uma seleção, separando o humus (material utilizado para adubo) e o material reciclável, restando apenas cerca de 30% de lixo não aproveitável para ser aterrado. O material não possui bactérias e não causa danos para o meio ambiente, já que durante o processo o lixo passa por uma descontaminação.

Leia mais:

Imagem de destaque
Campanha SOS

Jataizinho: confira os pontos de arrecadação de donativos para ajudar as vítimas das enchentes no RS

Imagem de destaque
Veja onde doar

Maringá faz campanha de arrecadação de donativos para famílias do Rio Grande do Sul

Imagem de destaque
Campanha SOS RS

Paraná envia mais de 190 toneladas de donativos ao Rio Grande do Sul

Imagem de destaque
Veja a lista de eventos!

Agenda turística de maio tem Expoingá, blues em Antonina e festas do pinhão e cachaça


De acordo com o procurador jurídico da Prefeitura, Rogel Martins Barbosa, o projeto piloto terá 9 meses de vigência. "Serão três meses para a implantação do projeto e seis meses para a execução. Também será formada uma equipe com profissionais da Prefeitura e do Consórcio Biopuster para avaliar os resultados do trabalho".

O projeto foi autorizado pelo Instituto Ambiental do Paraná e aprovado pela Câmara Municipal.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade