Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Pela terceira vez

Sem-terras invadem fazenda no norte do Paraná

Agência Estado
15 jun 2009 às 21:11
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Um grupo com cerca de 150 sem-terra ligados à Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag) invadiu hoje a Fazenda Itaverá, em Alvorada do Sul, no norte do Paraná, propriedade da Usina Central do Paraná, do Grupo Atalla. Esta é a terceira vez que a mesma propriedade é invadida desde dezembro do ano passado. Nas outras vezes, a empresa conseguiu mandado de reintegração de posse e a saída foi pacífica, embora os sem-terra permanecessem nas proximidades.

Eles invadiram a propriedade com o objetivo de forçar uma desapropriação, pois alegam que o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) já emitiu um laudo de improdutividade. Segundo o diretor de Política Agrária da Federação dos Trabalhadores Rurais do Paraná (Fetaep), Marcos Brambilla, que apoia a Contag, os laudos eram mantidos em sigilo, mas chegara ao conhecimento dos sem-terra, que decidiram pela ocupação.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade


A assessoria do Incra confirmou que foi feito um laudo de improdutividade após vistoria no ano passado, mas houve recurso por parte da empresa, que ainda está em análise técnica. Segundo a proprietária, a fazenda tem 1.650 hectares e, nas duas vezes em que foi invadida, acumulou prejuízos de mais de R$ 22 milhões, pois teriam sido roubados gado e madeira, além de terem queimado 1.091 hectares de cana, que poderiam resultar em 185 mil sacas de açúcar e 2,8 milhões de litros de álcool.

Leia mais:

Imagem de destaque
Interdição temporária

Ponte na PR-450 entre Centenário do Sul e Porecatu será interditada para obras a partir de segunda

Imagem de destaque
Queda nas temperaturas

Arapongas: Centro Pop tem abrigo emergencial para população de rua

Imagem de destaque
Incluindo Londrina

Sanepar vai abrir Centrais de Relacionamento em 34 cidades neste sábado

Imagem de destaque
População em geral

Prefeitura de Arapongas reforça chamado para vacinação contra a gripe; veja os locais

Em uma nota, o Grupo Atalla disse que a nova invasão coloca em risco o emprego de mais de 5,5 mil pessoas que trabalham na safra 2009, quando pretende moer cerca de 2 milhões de toneladas de cana para uma produção de 60 milhões de litros de álcool e 3,8 milhões de sacas de açúcar. "O Grupo Atalla confia na Justiça e no bom senso de todos os envolvidos para que a normalidade seja restabelecida o mais breve possível", ressaltou a nota.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade