Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Denúncia anônima

Padrasto vivia em matagal após matar criança

Redação Bonde
26 ago 2015 às 10:00
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Um homem, suspeito de participar da morte de uma criança no início do mês, foi preso por policiais militares da 4ª Companhia do 17º Batalhão de Polícia Militar (17º BPM), pertencente ao 6º Comando Regional da PM (6º CRPM), na manhã desta terça-feira (25). A ação ocorreu no município de Mandirituba, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), após denúncia anônima.

"Recebemos uma denúncia anônima, por volta das 6h45, de que um dos suspeitos de envolvimento no caso de estupro ocorrido em Mandirituba no dia 7 deste mês estaria escondido em uma chácara na zona rural do município. Fomos até o local e encontramos o homem que havia acabado de sair de uma matagal próximo", explica o tenente Pedro Henrique de Jesus Prado, que participou da ação.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


De acordo com o tenente Pedro, o homem, de 41 anos, informou ter passado todo este tempo escondido no mato, saindo apenas para se alimentar. "Ele confessou ter fugido por medo da reação dos outros, já que é suspeito de ter participado do crime que resultou na morte da criança", contou o oficial da PM.

Leia mais:

Imagem de destaque
Fiscalização

Operação Lei Seca em Londrina aplica 26 autos de infração e recolhe 7 veículos

Imagem de destaque
Cão Airon achou

Homem é preso com 21,650 kg de maconha em ônibus em Rolândia

Imagem de destaque
Estilo 'jogo do tigrinho'

Mulher envolvida na exploração de jogos de azar online é presa em Arapongas

Imagem de destaque
Arma tinha registro

Ladrão invade loja de celular para roubar e dono reage com 5 tiros no Paraná


O homem, de 41 anos, foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Fazenda Rio Grande para que as medidas cabíveis fossem tomadas. Ele morava com a mãe do menino de três ano assassinado.

(com informações da Polícia Militar)


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade