Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Catanduvas

Preso homem que estuprou filha de 13 anos

Redação Bonde
11 abr 2007 às 20:57
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Policiais de Catanduvas, na região Oeste do Paraná, prenderam nesta terça-feira (10), um homem que confessou ter estuprado a filha de 13 anos. Segundo o delegado da cidade, Marcos Fernando da Silva Fontes, o acusado, de 45 anos, também tentou abusar da outra filha, de 11 anos. "O laudo pericial já provou o abuso", informou o delegado.

De acordo com a polícia, a filha mais nova fugiu quando ele tentava abusar sexualmente dela. "Ela correu para a rua e veio em direção à delegacia. Enquanto isso, o próprio pai jogava pedras na menina", contou o delegado. Quando fugia, a menina encontrou alguns policiais militares. "Os policiais acharam estranho o próprio pai correr atrás da menina, jogando pedras. Eles o detiveram e trouxeram os dois para a delegacia", explicou Fontes.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Assustada, a menina relatou a história ao delegado. "Ela contou que o pai dava cachaça para sua irmã, de 13 anos, e, em seguida, mantinha relações sexuais com ela", relatou Fontes. Na delegacia, o acusado confessou o crime. A polícia contou que ele afirmou ter abusado da filha de 13 anos e tentou abusar da menina, de 11.

Leia mais:

Imagem de destaque
Rodovias

Carro é flagrado pelo radar da PRF a 213 km/h em Tibagi

Imagem de destaque
Um dos mais procurados

Suspeito de cometer diversos crimes no Paraná é preso no Maranhão

Imagem de destaque
Suspeito de praticar furtos

Homem morre após confronto com a PM em Cambé

Imagem de destaque
Ficou 17 anos foragida

Mulher acusada de matar a própria filha pela guarda do neto é presa em Marilândia do Sul


O homem havia abandonado a família há cerca de nove anos e teria retornado para casa em 4 de abril, quando a violência sexual teria começado. "Ele havia sumido há anos e a esposa o aceitou novamente. Quando a esposa ia trabalhar, ele cometia o abuso", explicou o delegado.


O homem foi autuado por violência doméstica, com base na lei Maria da Penha, e por estupro. O delegado contou que investiga mais dois casos de abusos sexuais cometidos por pais em Catanduvas. "Na segunda-feira, mais um pai foi preso por cometer abuso sexual contra a própria filha, mas a Justiça decretou sigilo no processo. Além desses dois casos, estamos investigando mais dois de abusos cometidos por pais", afirmou o delegado.

A pena para o crime de estupro é de dez anos de reclusão, com a possibilidade de ser estendida, dependendo de cada caso. As informações são da Agência Estadual de Notícias.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade