06/08/20
25º/13ºLONDRINA
PUBLICIDADE
Impactos da pandemia

Coronavírus começa a parar montadoras na Europa

Grandes montadoras começaram a fechar fábricas na Europa por causa da pandemia de coronavírus, que está prejudicando a chegada de peças e reduzindo as vendas.

Pixabay
Pixabay


A Fiat anunciou nesta segunda (16) que vai fechar oito fábricas na Itália até o final deste mês, segundo o caminho de marcas de luxo como a Ferrari, que parou sua produção, e a Lamborghini (do grupo Volkswagen), que fechou a linha no norte da Itália e deve fazer o mesmo na unidade da Eslováquia.

Renault, Ford, Nissan e Seat (do grupo VW) fecharam as fábricas na Espanha, também por falta de peças, e na noite desta segunda a Renault para suas 12 fábricas na França.

A francesa PSA (que produz as marcas Peugeot, Citroen, Vauxhall, Opel e DS) anunciou também nesta segunda que até o final do mês vai fechar todas as fábricas na Europa. A montadora tem unidades em sete países: França, Alemanha, Espanha, Polônia, Portugal, Eslováquia e Grã-Bretanha.

As quarentenas decretadas na Itália e na Espanha reduziram a produção de peças nesses países, que são importantes fornecedores da Volkswagen. Com a falta de insumos, a montadora já teve que reduzir a produção e pode ter que fechar fechar sua maior fábrica, em Wolfsburg, na Alemanha.

A montadora encontra problemas no estado da Bavaria, onde produz os carros da Audi, depois que a região declarou estado de emergência.

Um dos exemplos dos problemas no setor de peças é o da fabricante de pneus Michelin, que fechou todas as fábricas na França, na Espanha e na Itália.

O setor automotivo é um dos mais afetados pelo coronavírus, primeiro pelo fechamento de indústrias de autopeças na China e agora pela crise na Europa.

Outro setor que entrou em situação crítica é o de aviação. Nesta semana, empresas como Air France, KLM, Norwegian e SAS começaram a dispensar funcionários, enquanto praticamente todas as companhias cortaram voos.

Por causa da dificuldade de levar insumos de um país para outro, já que várias fronteiras foram fechadas, a União Europeia deve divulgar nesta segunda regras para o trânsito dentro do continente.

Segundo Eric Mamer, o porta-voz da presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, estão se formando longas filas de caminhões nas estradas, impedindo peças de chegar às fábricas e afetando inclusive a produção de equipamentos médicos.
Folhapress
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Conteúdo relacionado:
Remarcado
Edição 2020 do Salão do Automóvel de São Paulo está cancelada
Efeitos negativos
Surto de coronavírus vai derrubar vendas de automóveis, diz agência
Cuidado!
Barbeiragens: 5 infrações de trânsito incomuns e perigosas
Continue lendo
Atualizada
Nova Chevrolet S10 chega ao mercado conectada com o futuro
05 AGO 2020 às 11h05
Qualidade
Entenda o que muda com a nova especificação da gasolina
04 AGO 2020 às 08h52
Dica de manutenção
Como identificar desgaste no braço de direção do seu carro
03 AGO 2020 às 11h13
Dica de manutenção
Saiba como fazer a calibragem correta dos pneus do seu carro
30 JUL 2020 às 11h49
Efeito Uber
Número de mulheres com CNH cresce, mas há menos motoristas jovens
29 JUL 2020 às 10h27
Comparativo
Com ideias distintas, Polo GTS e Sandero RS representam hatches esportivos
28 JUL 2020 às 09h21
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados