Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Cuidado com boleto falso

Veja cuidados com a segurança ao pagar parcela de imóvel

Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
25 jul 2023 às 13:57
- Mikhail Nilov/Pexels
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Muitas pessoas sonham em conquistar o imóvel próprio. Porém, o processo de adquiri-lo, seja de lote, casa ou apartamento, exige uma série de cuidados. A atenção é necessária em toda a jornada de compra, desde o início da busca pelo imóvel até o momento do pagamento das parcelas do financiamento ou parcelamento. 


Para auxiliar o comprador, Paulo Moura Leite, diretor financeiro da Moura Leite Loteamentos, sugere alguns cuidados ao pagar a parcela do imóvel, para fazê-lo com segurança e evitar golpes e fraudes financeiras. 

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Certifique-se de que o corretor de imóveis é credenciado 

Leia mais:

Imagem de destaque
Sabia?

Abaixo-assinado não tem poder legal para tirar locatário de imóvel; entenda

Imagem de destaque
Análise

Mercado imobiliário fala em disparada dos preços de imóveis, terreno e aluguel após reforma tributária

Imagem de destaque
Prepare o bolso

Conta de energia elétrica volta a ter taxa extra depois de mais de dois anos

Imagem de destaque
Casa própria

Como escolher um imóvel sustentável para morar?


Antes de iniciar os primeiros pagamentos, certifique-se de que o corretor é credenciado no Creci (Conselho Regional de Corretores de Imóveis). "O comprador precisa ficar atento se o corretor ou imobiliária está credenciado. Existem casos de infratores que se passam por corretores para aplicar golpes".

Publicidade

Ele ainda alerta para a importância do comprador verificar a existência de um departamento financeiro da beneficiária. "O cliente precisa verificar se existe um setor financeiro na empresa". 


Pesquisa avançada sobre a empresa 

Publicidade


Antes de pagar a entrada, pesquise sobre a empresa que está vendendo o bem imóvel. Consulte o site, redes sociais e fique atento aos depoimentos de clientes. Portais de reclamações de consumidores também ajudam na pesquisa. "Procure pesquisar sobre a empresa em sites de reclamações e veja se existem registros de queixas", orienta.


Cuidado com o boleto falso 

Publicidade


Os infratores utilizam diversas formas para criar boletos falsos, como a clonagem de sites ou envio de e-mails com links de páginas fraudulentas. Esses documentos podem estar corrompidos. "Ao realizar o pagamento indevido, o comprador poderá sofrer consequentemente prejuízos financeiros. Antes de efetuar o pagamento, veja se o boleto tem a razão social do beneficiário e senha de acesso".


E mais: "Verifique cuidadosamente os detalhes do pagamento no boleto. Certifique-se de que essas informações estejam corretas e correspondam às expectativas e acordos previamente estabelecidos". 

Publicidade


Utilize canais oficiais para realizar o pagamento


Use canais oficiais e seguros para pagar, como o site ou aplicativo oficial do beneficiário, caixas eletrônicos de bancos autorizados e agências bancárias físicas. "A recomendação é sempre utilizar os canais oficiais de recebimento, pois eles possuem segurança contra fraudes e golpes. O comprador também deve evitar realizar os pagamentos em locais públicos ou em redes Wi-Fi não seguras". 

Publicidade


Ainda conforme o especialista, é importante realizar pagamentos por um dispositivo seguro e pessoal, como computador, smartphone ou tablet, com antivírus atualizado e proteção contra malware. "O ideal é que o pagamento seja realizado por algum dispositivo pessoal, como celular ou computador e que esteja com proteção contra vírus e outras ameaças. Evite fazer pagamentos em dispositivos públicos ou compartilhados, pois eles podem estar expostos a riscos de segurança". 


Cuidado com o compartilhamento de informações 

Publicidade


Nunca compartilhe informações pessoais com outras pessoas, como números de documentos, senhas, códigos de verificação ou outros dados pessoais em boletos, sites ou canais de comunicação não confiáveis. Essas informações podem ser usadas para fins fraudulentos. "É comum pessoas mais velhas ou com entendimento mínimo de tecnologia pedirem ajuda para acessar e pagar seus boletos na internet. Porém tome muito cuidado, o compartilhamento de dados pode expor o comprador e torná-lo uma vítima", alerta.

 

Monitore transações bancárias


Mantenha um registro de transações de pagamento e verifique regularmente o extrato bancário para identificar qualquer atividade suspeita. "Algumas pessoas ativam notificações no celular sempre que uma transação no banco é realizada, isso é muito importante e evita fraudes e golpes. Verificar constantemente extrato e saldo bancário também é uma opção. Caso detecte algo incomum, entre em contato com o banco ou instituição emissora do boleto imediatamente", pontua. 


Medidas que as empresas devem incentivar na identificação de boletos falsos 


É necessário que o vendedor do imóvel  tente coibir, de todas as formas possíveis, fraudes em seu nome, adotando uma comunicação que tem como objetivo orientar os seus clientes e consumidores. Essa comunicação deve informar com clareza os meios de recebimento oficiais da empresa e também canais de atendimento para dúvidas sobre como realizar o pagamento. 


Para finalizar, o especialista deixa alguns cuidados para que o comprador do imóvel realize o pagamento das parcelas por boleto com segurança: 


Certifique-se de que a empresa realmente disponibiliza o pagamento do boleto por e-mail. Ela pode adotar o envio por Whatsapp ou até mesmo a retirada no site;


Ao receber o boleto por e-mail, verifique se a mensagem realmente faz parte da empresa em que comprou o imóvel ou lote. Você pode verificar pelo domínio do site (ex. [email protected]) ou pelos canais de atendimento oficiais da empresa;


Antes de fazer o pagamento do boleto, certifique-se de que a razão social ou nome da empresa aparece no campo beneficiário do banco;


Por questões de segurança, algumas empresas usam o CPF como senha e pedem para o comprador digitar parte ou a totalidade dele antes de abrir o boleto;


Verifique se o número do banco aparece nos três primeiros dígitos do código de barras do boleto. Cada banco possui um código (ex: Santander 033, Banco do Brasil 001) e é um código único que não se repete. Antes de efetuar o pagamento do boleto verifique se os três números iniciais no código de barras correspondem ao da instituição;


Cuidado com o Spam. Desconfie sempre que um e-mail com boleto for parar lá;


Os boletos são enviados via extensão .pdf. Desconfie se receber em outro formato;


Confira os dados que aparecem no aplicativo do seu celular antes de confirmar o pagamento. Eles devem ser iguais aos dados do boleto; 


Por último, na dúvida, sempre entre em contato com a empresa do imóvel, terreno ou loteamento. Geralmente essas empresas respondem rápido tendo o e-mail ou Whatsapp como canal de atendimento oficial.


Imagem
Londrina e região: Novo Minha Casa, Minha Vida deve gerar mil empregos diretos
Com a reedição do Minha Casa, Minha Vida, a expectativa do Sinduscon Paraná Norte (Sindicato da Indústria da Construção Civil no Norte do Paraná) é de alta de mais de 20% nos lançamentos dos empreendimentos.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade