11/12/19
º/º
PUBLICIDADE
Elas podem te ajudar!

Plantas que reduzem o excesso de umidade dentro de casa

Como já sabemos, o excesso de umidade em um ambiente provoca a proliferação de ácaros e fungos, seres microscópicos capazes de desencadear sérias doenças respiratórias e provocar a perda de bens valiosos.

Pixabay
Pixabay


A umidade alta pode causar crises de rinite alérgica, asma, dermatite atópica e, em casos mais raros, até mesmo conjuntivite alérgica. Além disso, mofo e bolor em móveis e roupas, dentro de armários e até mesmo nas paredes, também são resultados da proliferação de fungos em ambientes úmidos.

Uma pesquisa realizada pela NASA em 1989 concluiu que algumas espécies de plantas têm capacidade de purificar o ar e absorver a umidade do ambiente. Além de contribuir para a qualidade do ar interno e nos aproximar da natureza, as espécies a seguir ainda podem ser usadas como parte da decoração dos quartos e sala de estar, por exemplo.


Lírio da Paz:

Atrativa pela beleza de sua flor e o brilho de suas folhas, essa espécie se desenvolve muito bem em ambientes fechados e pouco iluminados, onde absorve a umidade presente no ar para crescer. É prática e ideal para quem costuma ter uma rotina muito agitada e passa pouco tempo em casa.


Samambaia de Boston:

Bem conhecida entre os brasileiros, a samambaia se tornou popular entre 1970 e 1990. Além de ser uma das primeiras opções para jardinagem vertical, ela não exige poda frequente e pode ser colocada suspensa em qualquer lugar dentro de casa. Ao absorver umidade do ar, essa planta também puxa impurezas como benzeno e xileno.


Clorofito:

De folhas longas, verdes, curvadas e crescimento rápido, o clorofito, nativo da África do Sul, é capaz de remover 90% das impurezas do ar em até 48 horas.


Hedera Helix:

De nome popular Hera, e com folhas pequenas e bem desenhadas, o indicado é que ela seja colocada suspensa para que absorva a umidade. Além de diminuir a quantidade de água em forma de vapor no ar, ela também absorve mofo e material fecal de animais de estimação e microrganismos presentes no ar.


Palmeiras:

Pequenas, médias ou grandes, elas são nativas de regiões tropicais e crescem muito bem em locais úmidos. A palmeira do tipo Areca bambu está entre as mais indicadas para ambientes domésticos por ter capacidade de absorver poluentes internos.
Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
comentários
Continue lendo
51% do consumo!

Geladeira pode representar até metade da conta de luz

Saiba mais

Pantone elege 'classic blue' como a cor de 2020

Veja mais e a capa do canal
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE