Pesquisar

Canais

Serviços

- Pexels
Saia dessa

Reconheça os sinais de alerta de um relacionamento abusivo

Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
19 ago 2021 às 15:21
Continua depois da publicidade

Um sentimento de culpa a maior parte do tempo. A pessoa se esforça para melhorar a relação amorosa, mas não é possível pois, segundo o outro, o erro sempre é dela. Esses são alguns sinais de um relacionamento abusivo e que, muitas vezes, vêm acompanhados de violência psicológica e até mesmo física. O amor, a paixão e o envolvimento podem dificultar a identificação do tipo de relação que a pessoa está vivendo.

Continua depois da publicidade


A psicóloga e coordenadora do curso de Psicologia da Universidade Pitágoras Unopar, Giuliana Temple, destaca que, em grande parte dos casos, é difícil observar sinais de abuso no início de uma relação. "No começo o abuso se apresenta sempre de forma muito discreta, em pequenas ações, muitas vezes baseadas em piadas sobre aspectos pessoais, pequenas críticas em falas, além do vitimismo disfarçado”, explica.

Continua depois da publicidade


Segundo a profissional, muitas vezes as consequências de um relacionamento abusivo não deixam marcas físicas - as sequelas são psicológicas. A pessoa, por medo ou vergonha, silencia sobre as atitudes. "Discussões e algumas situações podem até parecer estresse ou coisas comuns entre um casal, porém, é preciso estar atento para o aumento da frequência e observar se há violência psicológica como ameaças, constrangimentos, humilhação, manipulação, restrições à vida social, vigilância constante, perseguição, insultos, chantagem, exploração e limitação de direitos”, pontua Temple.


A especialista explica que, em todos os casos de abuso, há sempre um fato incomum: um dos companheiros controla demais o outro. "Quem está envolvida na relação não consegue enxergar com frieza o suficiente para constatar que está em um relacionamento abusivo. Por isso, pode ser mais fácil alguém de fora identificar a situação”, alerta.

Continua depois da publicidade


Confira alguns sinais de um relacionamento abusivo:


Ciúme excessivo - Com a justificava de "amar demais” o ciúme vira justificativa para o controle. É normal que uma pessoa sinta medo de perder quem ama. Mas quando isso passa a virar argumento para controlar a tomada de decisão do outro, agressões, ofensas ou invasão de privacidade, é excessivo.


Afastamento de outras pessoas - As justificativas podem ser muitas: os amigos são má influência ou dão em cima do companheiro. O abusador também pode alegar não gostar de determinadas pessoas por não "o tratarem bem”. O fato é que vai exigindo que o outro se afaste das pessoas mais próximas.

Destruição da autoestima - Se no começo da relação à pessoa era incrível para a outra, aos poucos isso vai mudando. A mudança começa com "críticas construtivas”, que vão se tornando cada vez mais comuns e pesadas. Sem perceber, vai perdendo a autoestima até o ponto de achar que é alguém tão ruim que nenhuma outra pessoa irá amá-la se a relação terminar.


Continue lendo