Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
INSCRIÇÕES A PARTIR DE SEXTA (19)

Concurso Unificado: Ministério da Agricultura divulga 200 vagas em todo o país

Flávia Albuquerque - Agência Brasil
17 jan 2024 às 17:04
- Marcelo Camargo/Agência Brasil
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O Mapa (Ministério da Agricultura e Pecuária) participa do Concurso Nacional Unificado com 200 vagas em todo o país para Auditor-Fiscal Federal Agropecuário, com salário inicial de R$ 15.897,33 para a jornada de 40 horas semanais.


Para concorrer ao cargo é preciso ter registro no conselho de classe dentro das especialidades de Médico Veterinário (55), Engenheiro Agrônomo (116), Químico (12), Farmácia (11) e Zootecnista (6). O cargo aparece no Bloco 3, que abrange as áreas Ambiental Agrária e Biológicas, com 530 vagas para todos os seis órgãos que estão selecionando.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


O Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) aparece no bloco com 176 vagas, sendo 159 para o cargo de Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário, cuja especialidade exigida é a de Engenharia Florestal, com a função de planejar, coordenar, acompanhar e executar atividades relativas ao ordenamento territorial e reforma agrária. Para esse cargo o salário inicial é de R$ 5.212,29, por 40 horas semanais e lotação em Manaus, Fortaleza, Brasília, São Luíz, Cuiabá, Santarém (PA), Marabá (PA), Recife, Porto Velho e Boa Vista.

Leia mais:

Imagem de destaque
Liminar

STF prorroga cotas raciais em concursos até nova lei ser votada

Imagem de destaque
Assembleia virtual

Professores da rede estadual aprovam greve para 3 de junho

Imagem de destaque
Alerta

Apenas 15% das estações de monitoramento de rios enviam dados em tempo real no Brasil

Imagem de destaque
Subiu

UEL divulga valor da inscrição para Vestibular 2025 e número de vagas ofertadas


Outras 17 vagas são para Engenheiro Agrônomo, com remuneração inicial de R$ 6.804,55 para jornada de 40 horas semanais em Rio Branco, Maceió, Manaus, Macapá, Salvador, Fortaleza, Brasília, Vitória, Goiânia, São Luíz, Belo Horizonte, Campo Grande (MS), Cuiabá, Belém, Santarém (PA), Marabá, João Pessoa, Recife, Teresina, Curitiba, Rio de Janeiro, Natal, Porto Velho, Boa Vista, Porto Alegre, Florianópolis, Aracaju, São Paulo e Palmas.

Publicidade


A função é para planejar, coordenar, orientar, implementar, acompanhar e fiscalizar as atividades compatíveis com a profissão e inerentes às políticas agrárias.


Os outros órgãos que têm vagas nesse bloco são os MCTI (Ministérios da Ciência, Tecnologia e Inovação) e da MGI (Gestão e da Inovação em Serviços Públicos), a Funai (Fundação Nacional dos Povos Indígenas e IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, com salários variando entre R$ 6.662,68 e R$ 20.924,80, para jornada de 40 horas semanais e lotação no Rio de Janeiro e Brasília.

Publicidade


O edital com todos os detalhes para o concurso está disponível no Diário Oficial da União.


O candidato poderá concorrer a todos os cargos dentro do mesmo bloco temático. As inscrições começam no próximo dia 19 e vão até 6 de fevereiro e serão feitas exclusivamente pelo Portal Gov.br. As taxas custam R$ 60, para nível médio, e R$ 90, nível superior. Estão isentos os inscritos no CadÚnico; doadores de medula óssea; bolsistas ou ex-bolsistas do ProUni e bolsistas ou ex-bolsistas do Fies.


LEIA TAMBÉM:


Imagem
Caixa Econômica Federal vai abrir concurso com 4.000 vagas de nível médio
A Caixa Econômica Federal anunciou nesta segunda-feira (15) que realizará um concurso público para preencher 4.000 vagas de nível médio para as áreas de tecnologia e bancária.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade