29/09/20
°/°
PUBLICIDADE
Entrega em 2021

Nova escola dará mais segurança a alunos em Mauá da Serra

Gilson Abreu/AEN
Gilson Abreu/AEN


O município de Mauá da Serra, no Vale do Ivaí, está em contagem regressiva para ganhar sua segunda escola estadual. A nova unidade vai possibilitar que alunos não precisem atravessar a BR-376 para chegar ao centro educacional.


A cidade tem pouco mais de 10 mil habitantes, de acordo com dados de 2019 do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). A previsão é que o Colégio Vilson Miranda abra as portas definitivamente no começo do ano que vem para atender até 840 alunos dos ensinos Fundamental e Médio, nos três turnos disponíveis. O investimento por parte do Governo do Estado é de R$ 5 milhões.

O colegio terá oito salas de aula, uma biblioteca e dois laboratórios – um de ciências e outro de informática. Também serão construídas uma sala de uso múltiplo, cozinha, refeitório, banheiros, ginásio poliesportivo coberto, pátio descoberto, sala ambiente, além da casa do zelador e estacionamento. A estrutura começou a ser erguida em maio de 2019 e terá mais de 2,7 mil metros quadrados.

"Os alunos ganham muito mais qualidade de ensino porque as edificações são todas projetadas para beneficiar os estudantes”, comenta o diretor-presidente do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional-Fundepar, Alessandro Oliveira.

Segurança e desenvolvimento


Prefeito de Mauá da Serra, Hermes Wicthoff ressalta os benefícios que o complexo escolar trará para a vida da comunidade. Ele explica que o município pleiteava um novo colégio desde 2011 como forma de desafogar a única estrutura estadual a serviço dos estudantes.

Wicthoff destaca o aspecto geográfico importante que vem na esteira da construção. "Mauá da Serra é cortada em duas pela rodovia BR-376. Um lado tinha escola e o outro, não. Com a duplicação, ficou bem mais difícil para os estudantes que moram no lado sem escola atravessarem a rodovia. A nova escola deixará os dois pontos da cidade satisfeitos, o deslocamento dos alunos será menor e com mais segurança”, afirma. "Sem contar o desenvolvimento que vem junto. Ali na região já começaram a surgir novas casas e comércios”, completa.
Redação Bonde com AEN
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Continue lendo
Aulas suspensas
Com nova rotina, campus da UEL muda paisagem e recebe animais silvestres
28 SET 2020 às 17h49
2º semestre de 2020
Inscrições para bolsas remanescentes do ProUni terminam quarta-feira
28 SET 2020 às 14h37
Ensino superior
Vestibular Unicamp tem recorde de candidatos de escola pública
28 SET 2020 às 14h24
Em visita ao IFPR
Em Londrina, ministro da Educação reafirma ser favorável ao retorno das aulas presenciais
27 SET 2020 às 17h47
Projeto
Universitários abordam a escolha da profissão para estudantes do ensino médio
24 SET 2020 às 17h34
Financiamento
Estudantes com Fies podem suspender pagamentos até o fim da pandemia
24 SET 2020 às 15h31
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados