Pesquisar

Canais

Serviços

- Divulgação/Site Oficial do São Paulo
Continua depois da publicidade
Mercado da Bola

Corinthians deve baixar pedida para liberar Pato, que já admite reduzir salário

Agência Estado
22 dez 2015 às 16:51
Continua depois da publicidade

O Corinthians terá de baixar a pedida para vender Alexandre Pato. O jogador tenta na Europa encontrar uma oferta para cobrir os 10 milhões de euros (R$ 44 milhões) que o clube paulista sonha receber pelo jogador, que tem mais um ano de contrato no clube do Parque São Jorge. Pessoas ligadas a Pato informam que esse dinheiro 'não existe' nesta janela de transferências para contratá-lo. Pato também já admite abrir mão de receber 4 milhões de euros (R$ 17 milhões) por ano, uma média de R$ 1,4 milhão por mês, como gostaria. Os números que ele levou na bagagem para a Europa, onde passa férias e revê amigos, além de se mostrar ao mercado, são ilusórios. Pior: tanto o jogador quanto o Corinthians sabem que ambos não ficarão juntos em 2016.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Pato não quer voltar a vestir a camisa do Corinthians e o presidente Roberto de Andrade também não vê o time com o ex-são-paulino em suas fileiras. A solução é uma só: as partes baixarem suas pedidas. Neste ano, com o São Paulo, Pato recebeu R$ 800 mil mensais, divididos entre as duas diretorias. Corinthians e São Paulo acertaram pagar 50% cada dos vencimentos do jogador. Ocorre que Corinthians e São Paulo não têm dinheiro para assumir os R$ 800 mensais do atacante. Nem querem.

Continua depois da publicidade


Não está descartada a possibilidade de um novo empréstimo ao time do Morumbi, nas mesmas condições do contrato existente, com a possibilidade de o Corinthians encontrar um comprador para Pato no meio do ano, no fim da temporada na Europa, quando as movimentações são mais intensas. O único risco neste caso é o atleta deixar o clube de graça, tudo o que o Corinthians não quer.


O time paulista pagou 15 milhões de euros (R$ 65,9 milhões em valores atuais) e não admite perder esse dinheiro com um jogador de 26 anos. Errou na escolha e agora tenta resgatar o montante investido. Pato já disse que não pretende voltar a atuar pelo Corinthians e terá seus direitos federativos no fim de 2016, com 27 anos apenas. Ele estaria disposto a pagar para ver.


Tite já admitiu que gostaria muito de ter o jogador no elenco. Dessa forma, o Corinthians tem duas opções: vender Pato pelo dinheiro que 'entrar' ou refazer o contrato de empréstimo com o São Paulo, mesmo assim, desde que o time do Morumbi queira.

Continua depois da publicidade

Para Pato, permanecer no São Paulo também seria uma saída. Há ainda uma terceira opção, que é o dinheiro chinês. Os prováveis interessados estão à espera de algum sinal sobre os novos valores pedidos pelo Corinthians. Pato terá de se reapresentar no Corinthians dia 6 de janeiro.


Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade