Pesquisar

Canais

Serviços

Adeus!

Goiás bate o Cerro, mas é eliminado da Sul-Americana

Agência Estado
01 out 2009 às 22:23
Publicidade
Publicidade

Faltou apenas um gol e o Goiás teve 16 minutos para isso. O time goiano derrotou o Cerro Porteño por 3 a 1, nesta quinta-feira, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, mas foi eliminado nas oitavas de final da Copa Sul-Americana. Tudo porque sofreu um gol em casa, que definiu a classificação dos paraguaios, vencedores no jogo de ida por 2 a 0. Fez o terceiro gol, aos 34 minutos do segundo tempo, e, mesmo com os acréscimos do árbitro, não teve competência para marcar o quarto e se classificar.

Na fase de quartas de final, o Cerro Porteño terá pela frente mais uma equipe brasileira. Será o Botafogo, que eliminou o Emelec, do Equador. Já o Goiás volta as atenções apenas para o Campeonato Brasileiro, em que está na luta pelo título - ocupa a terceira colocação, com 45 pontos, cinco atrás do líder Palmeiras.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Como já era esperado, o Goiás iniciou a partida exercendo pressão nos paraguaios, que preferiram se defender e explorar os contra-ataques. Com todos os seus titulares - inclusive Fernandão e Iarley -, o time goiano chegou diversas vezes ao gol de Barreto, mas a conclusão saía imperfeita.

Leia mais:

Imagem de destaque
Sul-Americana

SBT tem maior audiência do ano em transmissão de vitória do Corinthians

Imagem de destaque
Favorito da torcida

Vini Jr. diz estar em sua melhor versão após gritos por Bola de Ouro

Imagem de destaque
Treta

Textor envia ao STJD gravação usada para alegar corrupção de ex-árbitro

Imagem de destaque
Fica ou sai?

Corinthians venera Cássio em meio a mistério no clube


Somente aos 41 minutos que uma jogada ofensiva do Goiás deu certo. O centroavante Felipe recebeu a bola na entrada da área e, sem marcação da zaga, só teve o trabalho de driblar Barreto e tocar para o gol vazio.

Publicidade


Mesmo com a desvantagem, o Cerro Porteño voltou do intervalo com a mesma postura, já que o 1 a 0 ainda o classificava e um 2 a 0 levaria a decisão da vaga para a disputa por pênaltis. E, num contra-ataque pela direita, aos 23 minutos, Irrazábal avançou pela direita e cruzou na medida para Recalde, que chutou de primeira para empatar.


Só que o Goiás mostrou que não estava morto e conseguiu fazer o segundo gol apenas dois minutos depois, novamente com Felipe. Aos 34, foi a vez de Léo Lima marcar de cabeça e "incendiar" o Serra Dourada com a chance mais próxima de classificação.


No entanto, o time goiano não teve forças para conseguir finalizar com precisão e ainda levou sustos em contragolpes paraguaios, como em um protagonizado por Mendoza, que chutou no travessão de Harlei. Ao final do jogo, lamentação dos brasileiros, mas com o reconhecimento da torcida, que aplaudiu a equipe.

LDU CLASSIFICADA - Em outro jogo desta quinta, a LDU conquistou a vaga nas quartas de final ao ficar no empate com o Lanús por 1 a 1, na Argentina. No jogo de ida, em Quito, a equipe equatoriana havia goleado por 4 a 0.


Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade