Pesquisar

Canais

Serviços

Campeonato Brasileiro

Londrina EC se apoia em campanha no Café para reagir na série B

- Sheyla Dantas/Londrina EC
Lucio Flávio Cruz - Grupo Folha
30 jun 2022 às 09:12
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

A derrota para o Grêmio freou a reação do Londrina na Série B e impediu o alviceleste de colar no G4. O revés em Porto Alegre ligou o alerta do Tubarão novamente em relação ao desempenho do sistema defensivo. Com o gol sofrido na capital gaúcha, o LEC tem agora a segunda pior defesa do Brasileiro. 

Continua depois da publicidade


São 17 gols sofridos em 14 jogos, o que dá uma média de 1,2 gol por partida. O Londrina só fica à frente do penúltimo colocado Guarani, que foi vazado 18 vezes. Na terça-feira (28), o técnico Adilson Batista contou com o retorno de Saimon ao lado de Gustavo Vilar e durante a partida ainda utilizou os dois zagueiros que estavam no banco: Augusto e Denilson. 


No segundo tempo, colocou Augusto no lugar do lateral Samuel Santos e passou a jogar no 3-4-3. Nos minutos finais, mesmo perdendo, sacou Vilar para a entrada de Denilson. O titular deixou o gramado contrariado. Ao longo da Série B, o treinador já utilizou algumas formações diferentes em busca do equilíbrio defensivo. 


Continue lendo na Folha de Londrina.

Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade