Pesquisar

Canais

Serviços

Tubarão

Londrina Esporte Clube anuncia ‘pacotão’ de reforços

Redação - Folha de Londrina
30 jan 2004 às 17:16
Publicidade
Publicidade

Não é apenas o elenco e a comissão técnica do Londrina que estão sob pressão, com duas derrotas nas três primeiras rodadas do Campeonato Paranaense, e com a tensão da véspera de um Clássico do Café na casa do adversário.

A nova diretoria, especialmente o presidente Carlos Alberto Garcia e o diretor técnico Raul Plassmann, também estão assustados com o mau início e com a possibilidade de um desfalque generalizado a partir da segunda semana de fevereiro, quando parte ou a totalidade dos 14 jogadores da Londrina Júnior Team que compõe o elenco de profissionais viajará para disputar a Copa Carnevale Sub-21, na Itália.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Se nestes momentos críticos a tarefa de fazer ou evitar gols dentro de campo fica ainda mais obrigatória, tomar providências fora dele é também uma questão de honra. Raul e Garcia começaram a fazer sua parte nesta quinta-feira com o anúncio dos três primeiros reforços do já anunciado ''pacotaço'' do fim de janeiro.

Leia mais:

Imagem de destaque
Estreia de documentário

Tetra resgatou autoestima do brasileiro, afirma Romário

Imagem de destaque
Aposentou

Sem Kroos, apenas quatro alemães do 7 a 1 seguem jogando; veja quais

Imagem de destaque
Saiba quem

Palmeiras pede liberação de Estêvão e mais duas promessas de seleção sub-20

Imagem de destaque
Copa do Brasil

Tite testa novidade na zaga do Flamengo para jogo com Amazonas; veja o time


O mais importante deles atende pelo nome de Cláudio Alexandre de Oliveira, paranaense de Mandaguari, 27 anos, 1m70, 67 quilos. O meia Claudinho já foi ídolo da Ponte Preta, clube que defendeu por oito anos, de 1994 a 2001, e no qual saiu depois de ser pivô da primeira grande polêmica pós-instituição da Nova Lei do Passe.

Publicidade


Depois da ''libertação'', jogou no Fluminense, Bahia, Etti Jundiaí, Mogi Mirim e Juventude. No ano passado, disputou a Série B do Brasileiro pelo Ceará, onde recusou a proposta de permanecer para o Estadual.


Estava treinando havia uma semana no Águia, de Maringá. Antes, havia feito um trabalho de 20 dias com um personal trainer. ''Fisicamente estou bem. Falta ritmo de jogo'', garantiu o jogador, que já foi campeão sul-americano e vice-campeão mundial sub-20 pela Seleção Brasileira em 1995.

Publicidade


Bem menos famoso, o lateral-direito Carlos Alberto Souto Pinheiro, 20 anos, foi cedido gratuitamente pelo Cruzeiro, que continuará a pagar seus salários. Ele é natural de Pedro Velho (RN), tem 1m80 e 70 quilos. Começou no América, de Natal, e era titular dos juniores do Cruzeiro, vice-campeão estadual da categoria. Sem chances em um elenco que conta com Maurinho e Maicon, ele foi indicado pessoalmente por Wanderlei Luxemburgo, atendendo um pedido de Raul.


O terceiro reforço chegou nesta sexta-feira. Trata-se de Rogério, volante e capitão do Palmeiras, semifinalista da Copa São Paulo Sub-20. Um atacante, que Raul não quis adiantar o nome, também deve se apresentar no mesmo dia. Outros dois reforços também podem ser confirmados nesta sexta-feira.

Preparação física - Luís Guilherme Bérgamo, responsável pela preparação física do elenco ao lado de José Carlos Venturini, admitiu ontem à Folha que realmente os adversários estão em melhores condições que o LEC e que a situação deve perdurar até o final da primeira fase do campeonato.
''Precisaria de seis semanas para ter o elenco em condições ideais. Estamos na terceira semana de trabalho, portanto, em pleno período de preparação'', explicou.


Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade