Pesquisar

Canais

Serviços

- Alê Cabral/CPB
Representou

Brasileiro Daniel Dias conquista segundo bronze em Tóquio e emociona ao fim da prova

Folhapress
26 ago 2021 às 10:28
Continua depois da publicidade

Daniel Dias conquistou, nesta quinta (26), sua segunda medalha nas Paralimpíadas de Tóquio. Depois de garantir, ontem (25), o bronze nos 200 metros livre da classe S5, intermediária entre as 10 para deficientes funcionais, o brasileiro levou mais um bronze, desta vez nos 100m livre da mesma classe. E com emoção na conclusão da prova.

Continua depois da publicidade


Daniel era apenas o quinto na virada dos 50m, mas cresceu na segunda metade da prova, especialmente nos últimos 10 metros. Faltando cinco, ele ainda era quinto colocado, mas acabou deixando para trás dois chineses, que nadavam ao seu lado, à esquerda e à direita.

Continua depois da publicidade


O brasileiro não chegou a colocar seu corpo à frente do chinês Tao Zheng em nenhum momento, mas bateu na frente por causa de especificidades das respectivas deficiências. Enquanto o asiático não tem os braços e completa a prova batendo a cabeça na borda da piscina, Daniel esticou seu braço e acabou vencendo o duelo.


A diferença entre os dois foi de apenas sete centésimos: 1min10s80 para Daniel, e 1min10s87 para Zheng. Depois de ter os três primeiros colocados na virada dos 50 metros, a China ganhou uma medalha só, de prata, porque o ouro ficou com o italiano Francesco Bocciardo, que também apresentou desempenho impressionante na segunda metade e venceu com 1min09s56. A prata foi para o peito de Lichao Wang, com 1min10s45.

Continua depois da publicidade


A brasileira Joana Neves terminou na oitava colocação, com 1min27s62. Ela também deve nadar o revezamento.


Mais finais com brasileiros


Em outra final do dia, Talisson Glock foi o sexto colocado nos 200m medley da classe SM6, a sexta entre as 10 para deficientes funcionais. O brasileiro terminou com o tempo de 2min45s17.


Mais tarde, foi a vez de Matheus Rheine entrar na piscina. Ele acabou em quinto na final dos 400m livre da classe S11, para cegos, com 4min44s64.

Já na final dos 100m peito da classe SB9, Ruan de Souza foi o quinto colocado com o tempo de 1min10s99.


Continue lendo