Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Morte súbita

Dormir com bebês é grande fator de risco de morte

BBC Brasil
26 out 2009 às 17:03
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Metade dos casos de síndrome de morte súbita de lactentes na Grã-Bretanha está relacionada ao hábito de alguns pais de dividir as camas com os filhos, de acordo com um estudo da Universidade de Bristol, publicado no site do British Medical Journal. Grande parte do risco está associada ao consumo de álcool ou cigarro dos pais, ou ao uso de sedativos antes de dormir. Muitas das mortes ocorreram quando pais e filhos dormiram juntos em um sofá.

Apesar de as taxas de síndrome de morte súbita terem caído dramaticamente na Grã-Bretanha desde uma campanha de saúde pública no início dos anos 90, ainda é necessário aconselhamento específico para ajudar a reduzir ainda mais essas mortes, afirmam os pesquisadores da Universidade de Bristol. "Os pais precisam ser aconselhados a nunca se colocar em uma situação em que possam pegar no sono com um bebê pequeno no sofá."

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Os pais também jamais devem dormir com um bebê em um ambiente em que tenham consumido álcool ou drogas, aconselhou a equipe. Mas os autores do estudo ressaltaram que, ainda assim, alguns pais ainda querem dividir a cama com os filhos, em particular se eles precisarem amamentar os bebês várias vezes durante a noite, e que essa prática não deve ser vista como totalmente errada.

Leia mais:

Imagem de destaque
Solução alternativa

Cinco chás que ajudam a regular desordens menstruais

Imagem de destaque
Não é mito

Episódio de raiva aumenta o risco de ataque cardíaco 40 minutos após o evento, mostra estudo

Imagem de destaque
Descoberta inovadora

Novo componente genético ligado ao Alzheimer é descoberto em estudo

Imagem de destaque
Ansiedade e estresse

Consumir conteúdos com velocidade aumentada pode impactar na saúde mental; entenda


Cansaço

Publicidade


Mas é preciso lembrar que ela pode provocar cansaço nos pais que, durante o dia, correm o risco de cochilar no sofá com os filhos, alertam os pesquisadores.
Um outro estudo, feito pela Fundação para o Estudo da Morte de Bebês (FSID, na sigla em inglês), mostrou que 125 das 500 mães entrevistadas ainda duvidam que dormir ao lado de seus bebês pode ser um grande fator de risco.


A diretora da FSID, Joyce Epstein, disse que as conclusões do estudo são alarmantes. "Sabemos que as que formam o maior grupo de risco risco são mães muito jovens, geralmente solteiras, ainda na adolescência, e são também as que mais rejeitam conselhos sobre formas seguras de dormir."

Publicidade


Ninguém sabe exatamente quais são as causas da síndrome da morte súbita do lactente, mas alguns fatores de risco – como posição durante o sono e temperatura do ambiente – foram identificados.


Fatores de risco

Em um quinto dos casos de morte súbita – também conhecida como morte do berço – o bebê dormia com um travesseiro, e em um quarto dos casos, o bebê estava enrolado nas cobertas, o que podem ser novos fatores de risco, dizem os autores.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade