Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Mais de 1.100 casos confirmados

Saúde trata cenário da dengue em Londrina como epidemia

Pedro Marconi - Grupo Folha
04 abr 2023 às 08:45
- Gustavo Carneiro/Grupo Folha
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Após três anos, Londrina volta a enfrentar uma epidemia de dengue. Segundo a secretaria municipal de Saúde, o atual cenário deixa a cidade tecnicamente nesta situação, em que o problema se espalha acima do esperado e sem uma delimitação geográfica. 


“Os critérios técnicos que nos colocariam (em epidemia) seriam 1.500 casos confirmados, o que seguramente já passamos”, afirmou o responsável pela pasta, Felippe Machado.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


O último informe do município sobre positivações, divulgado na semana passada, apontou para 1.166 pessoas diagnosticadas com a doença. 

Leia mais:

Imagem de destaque
Aumento de 500% nos casos

Avanço da dengue coloca Apucarana em estado de emergência

Imagem de destaque
Neste sábado

Apenas 22% das crianças foram tomar a vacina contra dengue em Londrina; Dia D terá mutirão em shopping

Imagem de destaque
214 mortes confirmadas

Brasil tem mais de um milhão de casos de dengue este ano

Imagem de destaque
Saiba mais!

Londrina oferece 53 cursos de residência médica em cinco instituições de saúde


“Tivemos vários dias de chuva em fevereiro e março, agora o tempo está quente e soma-se a isso a falta de conscientização das pessoas, em olhar o quintal de casa e incentivar os vizinhos a fazerem o mesmo”, apontou.

Publicidade


No sábado (1º), a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do jardim Sabará, na zona oeste, registrou um novo recorde de atendimentos num único dia desde a inauguração, em 2014: 928 pessoas. Somando o sábado com o domingo foram 1.725 pacientes que passaram por consulta médica. 


Desde quarta-feira (29) a unidade tem funcionando exclusivamente para casos confirmados ou suspeitos de dengue.


“Uma UPA do porte que temos atende, em média, de 380 a 400 pessoas, quando muito. Reforçamos a equipe médica, de enfermagem, retaguarda de insumos, alteramos processos de trabalho, deixamos motorista exclusivo para fazer translado. A tendência é que os números se mantenham altos na próxima semana”, alertou.


Leia a reportagem completa na FOLHA DE LONDRINA:


Imagem
Saúde trata cenário da dengue em Londrina como epidemia
No fim de semana, mais de 1.700 pessoas foram atendidas na UPA Sabará, que se tornou exclusiva para casos da doença
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade