Pesquisar

Canais

Serviços

- Reprodução
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Sem efeitos colaterais

Cientistas criam anticoncepcional masculino que não afeta o desempenho sexual

Redação Bonde
10 jul 2014 às 09:16
Continua depois da publicidade

Cientistas australianos deram mais um passo para criar uma "pílula anticoncepcional masculina". A boa notícia desta pesquisa é que o novo contraceptivo oferece uma forma reversível de interromper a liberação de espermatozoides, sem afetar o desempenho sexual. A descoberta foi publicada na revista científica "Proceedings of the National Academy of Sciences" (Pnas).

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Não é de hoje que os pesquisadores tentam desenvolver a versão masculina da pílula anticoncepcional. No entanto, os estudos sempre esbarravam na questão dos efeitos colaterais, como induzir à infertilidade e afetar o apetite sexual ou ainda causar alterações permanentes na produção de esperma.

Continua depois da publicidade


Agora a equipe da Universidade de Monash, coordenada por Sabatino Ventura, levanta a possibilidade de um contraceptivo seguro, não hormonal e reversível. A pílula funciona ao deletar geneticamente duas proteínas (alfa1A-adrenérgico e P2X1-purinoceptor), o que bloqueia a liberação de espermatozoides durante o ato sexual.


Como funciona


Testes em camundongos mostraram que o esperma poderia ficar "armazenado" no organismo durante as relações sexuais. Uma vez suspenso o uso da pílula, a capacidade reprodutiva seria retomada.

Continua depois da publicidade


A remoção das proteínas em ratos geneticamente modificados resultou em animais machos que estavam temporariamente estéreis, mas continuavam a acasalar normalmente. Os camundongos não sofreram quaisquer efeitos secundários e foram capazes de posteriormente ter uma prole normal.

"Isso (a nova pílula) resolveria talvez o maior obstáculo na busca de um contraceptivo masculino socialmente aceitável", escreveram os cientistas. (Com informações do jornal O Globo)


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade