Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Em todo o País

Eleição para conselhos tutelares poderá ser unificada

Agência Estadual de Notícias
19 jun 2012 às 14:21
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A Câmara Federal aprovou o Projeto de Lei 3754/12 que determina a realização, num único dia, da eleição dos conselheiros tutelares em todo o país, além de garantir outros direitos. Para a secretária de Estado da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, a sanção da lei será uma conquista e um avanço para o sistema de garantia dos direitos da criança e do adolescente.

Criado pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (Eca), os conselhos tutelares visam garantir a proteção dos direitos de crianças e adolescentes. No Paraná, são 2.065 conselheiros, que atuam em conselhos tutelares, nos 399 municípios do Estado. Atualmente cada município tem autonomia para fazer a eleição dos conselheiros pelo voto direto, em qualquer data.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade


O texto aprovado na Câmara prevê a escolha dos conselheiros de todo o País em data unificada nacionalmente, no primeiro domingo de outubro do ano seguinte ao das eleições presidenciais. A eleição será a cada quatro anos.

Leia mais:

Imagem de destaque
Garantindo a manutenção

Paraná: Sanepar vai investir R$ 11,2 bilhões em obras até 2028 para universalizar saneamento

Imagem de destaque
Unicentro de Guarapuava

Nova espécie de abelha é descoberta por professora no Paraná

Imagem de destaque
Remuneração será mantida

Desembargador que chamou mulheres de 'desesperadas por homens' é afastado pelo CNJ

Imagem de destaque
Sem licença ou origem legal

Polícia Ambiental orienta como fazer a devolução voluntária de animais silvestres

"Temos grande expectativa de que essa modificação seja sancionada, pois implicará em importante racionalização no processo de capacitação dos conselheiros tutelares, atribuição legal da nossa secretaria. Com isso, vamos poder unificar o aprendizado, bem como as capacitações em todo o estado. Será possível aprofundar os conteúdos e garantir um comprometimento maior dos conselheiros", afirma Fernanda Richa.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade