Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
No final de semana

Irati lembra seus 100 anos com Festa do Pêssego

Redação Bonde
28 nov 2007 às 18:33
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A Prefeitura de Irati promove neste fim de semana a 29ª Festa do Pêssego e a 17ª Festa do Borrego no Rolete (carneiro). Os eventos terão início na sexta-feira (30), a partir das 8h30, e seguem até o domingo (02), no Parque Aquático do município. Paralelamente, também serão realizados a 7ª Feira de Sabores e o 6º Salão de Negócios.

Nesta edição, as festas terão um caráter especial porque vão celebrar os 100 anos do município. A prefeitura de Irati espera receber cerca de 25 mil visitantes durante os festejos. A programação dos eventos prevê shows de artistas locais, ofertas de produtos, negócios e pratos típicos.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


De acordo com o prefeito Sérgio Stoklos, a Festa do Pêssego é uma tradição e visa valorizar o pequeno produtor rural. "É um evento muito importante porque, além de valorizar a nossa fruticultura, é um estímulo à agricultura familiar. A área cultivada com frutas é de 36,5 hectares, dos quais 18,4 hectares com pessegueiros. O borrego (novilho de carneiro) no rolete também já é tradição da maior festa de Irati", disse.

Leia mais:

Imagem de destaque
Prevenção de incêndios

IAT abre nova turma para capacitação de brigadistas voluntários para áreas ambientais

Imagem de destaque
Enquanto fazia a manutenção

Jovem de 19 anos morre após cair em máquina de misturar cimento no Paraná

Imagem de destaque
Quatro são de Londrina

Paraná envia bombeiros para ajudar a combater incêndios no Pantanal

Imagem de destaque
Ginástica rítmica

Ginasta paranaense quer deixar legado nas Olimpíadas de Paris


Para este ano a expectativa é que seja comercializada uma quantidade maior da fruta, já que a safra foi melhor que a do ano passado. "A última produção chegou a 300 toneladas. Muitos produtores estão ampliando suas lavouras graças ao resultado da safra deste ano. Em 2006, o frio intenso e as geadas fortes fora de época foram responsáveis pela quebra da safra de pêssego", afirmou o secretário municipal de Agricultura, Gerson Ribeiro Sobrinho.

No ano passado, mais de 20 mil pessoas participaram do encontro. Foram comercializados, na época, mais de 9,4 mil quilos de pêssego in natura, sem contar os subprodutos da fruta, como sucos, compotas, geléias e sorvetes. Os agricultores recebem assistência técnica gratuita da Secretaria Municipal de Agricultura e Emater. Entre produtores de pêssego, uva, kiwi, amora, morango e ameixa são beneficiados 50 fruticultores, sendo 28 deles agricultores familiares.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade