Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Em Curitiba

Polícia recupera painel de publicidade furtado

Redação Bonde com SESP/PR
19 jun 2012 às 14:24
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Policiais do 7.° Distrito recuperaram, na segunda-feira (18), um poste de ferro e um painel de publicidade, com doze metros de altura, avaliados em R$ 28 mil, em uma empresa no Hauer, em Curitiba. O dono do estabelecimento foi preso por receptação.

Os objetos foram furtados em 21 de maio deste ano, no terminal do Boqueirão, em Curitiba. Após investigações, os materiais foram localizados na empresa, que teve o seu proprietário detido pela polícia. Lá foram encontrados equipamentos semelhantes, avaliados em R$ 40 mil, sem o devido registro.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


As peças pertencem a uma empresa de comunicação visual da capital. O dono da empresa onde foram localizados os objetos disse que uma pessoa havia deixado os produtos em sua empresa.

Leia mais:

Imagem de destaque
Motorista estava bêbado

Mulheres agridem motorista de aplicativo e roubam veículo na região de Maringá

Imagem de destaque
Sem ferimentos

Motorista tenta fugir, capota carro e fica preso entre uma tonelada de maconha no Oeste do PR

Imagem de destaque
Entenda

PF tira software espião do foco e mira dossiês em investigação sobre 'Abin paralela' de Bolsonaro

Imagem de destaque
Contra esposa

Polícia investiga Leandro Marçal, do Casamento às Cegas, por abuso sexual


Em depoimento, o homem contou que pagou R$ 300 pelo posto e o painel, vendido pelo dono de uma barraca de cachorro quente localizada no terminal do Boqueirão. "Vamos agora continuar nossas investigações com objetivo de encontrar as outras vítimas em relação aos demais painéis e postes localizados", afirmou o delegado Amarildo Antunes, do 7° DP.

O dono da empresa que foi vítima do crime agradeceu o trabalho dos investigadores. "Nossa empresa já teve prejuízo de cerca de R$ 100 mil com estes crimes. Iremos a partir de agora, por sugestão do delegado, aumentar a segurança nos equipamentos com objetivo de dificultar novos furtos. Nos equipamentos mais caros, estamos monitorando todo o movimento diariamente com câmeras de vigilância", disse a vítima.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade