Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Vagas remanescentes

MEC anuncia nova seleção para Prouni e Fies

Agência Educa Mais Brasil
01 set 2020 às 17:27
- Agência Educa Mais Brasil
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O MEC (Ministério da Educação) anunciou que vai abrir um novo processo seletivo do Prouni (Programa Universidade para Todos) e Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) para preencher 140 mil vagas remanescentes no mês de setembro.


O processo de seleção irá preencher 90 mil vagas do Prouni e 50 mil do Fies. As vagas remanescentes são formadas pela não ocupação dos selecionados em chamada regular. Geralmente, elas retornam ao sistema por conta da desistência dos candidatos pré-selecionados ou falta de documentação, por exemplo.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


As informações foram passadas pelo ministro da Educação, Milton Ribeiro, durante a participação em uma videoconferência promovida pela ABMES (Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior), na última sexta-feira (28).

Leia mais:

Imagem de destaque
Em 30 de junho

Concurso do CNJ tem horários de provas divulgados; local do exame sai na sexta (21)

Imagem de destaque
infraestrutura ecológica

Enchente não é inimiga, precisamos de solução baseada na natureza, diz defensor de cidade-esponja

Imagem de destaque
Votação simbólica

Comissão do Senado aprova texto da nova reforma do ensino médio

Imagem de destaque
E agora?

Não pagou a taxa de inscrição do Enem? Veja como fazer


Tanto o Prouni quanto o Fies são programas do governo. O Prouni oferta bolsas de estudo para faculdades privadas de forma integral, em que o estudante selecionado não precisa pagar nenhuma parte do valor das mensalidades do curso, e bolsas parciais, que correspondem à metade valor das mensalidades.

Já o Fies atua com a disponibilização de financiamento a estudantes que desejam ingressar no ensino superior privado, mas não têm condições de pagar as mensalidades durante o curso. Nesse caso, ao concluir a graduação, o valor deve ser pago ao governo em parcelas conforme fixadas em contrato.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade