26/10/20
Dia Mundial do RBD

RBD anuncia live paga com ingressos que variam entre R$ 110 a R$ 197 e fãs reclamam

Instagram/@equiperbd
Instagram/@equiperbd


Após disponibilizarem o catálogo de músicas no Spotify, o ex-grupo mexicano RBD anunciou nesta quarta-feira (30) que a partir deste domingo (4), dia em que é celebrado o Dia Mundial do RBD, os fãs poderão comprar os ingressos de uma live especial que acontecerá em dezembro.


Pela primeira vez após a separação, há doze anos, o grupo vai se reunir através de um show virtual para cantar as músicas que marcaram a trajetória de sucesso da banda que foi lançada com a novela "Rebeldes" (2004-2006). Intitulada "Ser O Parecer", a live acontecerá no dia 26 de dezembro e será paga.

Entretanto, os fãs da banda não ficaram contentes com os preços e também com a possibilidade de o evento não contar com a participação de Dulce María e Alfonso Herrera (Poncho), já que a imagem dos artistas não foram divulgadas na arte dos canais oficiais.

Apenas Anahí, Christian Chávez, Christopher von Uckermann e Maite Perroni estavam presentes em um vídeo publicado pelo canal oficial (@seroparecer). Após os comentários, a equipe decidiu excluir o vídeo em que também dizia: "Quer uma chance de participar desse evento ao vivo? Envie seu vídeo para ter uma chance de participar da grande reunião virtual na história da música."

Os preços variam entre R$ 112 e R$ 197 reais. O valor do ingresso mais em conta é de $ 20 (cerca de R$ 112 na cotação atual) e será vendido a partir desta sexta-feira (2) para clientes do Spotify. No domingo (4) os assinantes que se cadastrarem no site da live vão poder comprar o ingresso por $ 25 (R$ 145), que além do show ao vivo incluí um concerto After Party).
Na próxima segunda-feira (5), a venda geral será iniciada e o ingresso estará disponível para todos nos valor de $ 35 (cerca da R$ 197 reais de acordo com a cotação atual).

"Como fã, me sinto desrespeitado pelo valor apresentado a nós. Estamos passando por um momento delicado de pandemia e gostaríamos que o projeto fosse democrático e acessível a todos. Por favor, revejam os valores", escreveu uma internauta no Twitter, em resposta à publicação. "Mais de 110 reais num show VIRTUAL? com o mundo em colapso econômico? faltou a empatia que o RBD tanto pregava no passado" (sic).

No final do ano passado os seis integrantes se reencontraram. Dulce María, Anahí, Afonso Herrera, Christopher Uckermann, Maite Perroni e Christian Chávez publicaram em suas redes sociais uma foto da reunião em que aparecem abraçados. O momento aconteceu em dezembro e gerou muita comoção dos fãs.

"Ontem devolveram ao meu coração cinco pedacinhos que não se reuniam há 11 anos (...). Uma verdadeira reunião de seis seres que entregaram tudo de si e viveram uma história única e inesquecível. Por estarmos juntos e vivermos o que vivemos é que hoje somos quem somos. Vamos dizer que somos feitos de nós. Obrigada a cada um que se uniu. A energia dos seis juntos é muito forte. Amo vocês de todo o meu coração", escreveu Dulce Maria. "Rebelde" foi exibida no Brasil pelo canal do Silvio Santos (SBT) e também foi um grande sucesso. O grupo RBD ficou junto até março de 2009.
Folhapress
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Continue lendo
'Em recuperação'

Datena é internado com dores no peito e passa por procedimento

26 OUT 2020 às 10h32
Assédio

'Fazer o certo requer coragem', diz Dani Calabresa sobre caso de Melhem

26 OUT 2020 às 09h38
Após cobranças

Adnet e Duvivier se posicionam sobre denúncias contra Marcius Melhem

26 OUT 2020 às 08h49
'Sensação de fracasso'

Claudia Raia conta detalhes da separação de Alexandre Frota

26 OUT 2020 às 08h29
Saiba mais

Com look novo, Andressa Urach tem postura liberal e critica evangélicos

24 OUT 2020 às 17h34
Maternidade real

Sandy diz que não deve ter outro filho e se culpa por isso

24 OUT 2020 às 16h27
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados