Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Na internet

Repórter do 'É De Casa', da Globo, é alvo de racismo ao usar máscara contra coronavírus

- Reprodução/Facebook
Folhapress
09 mai 2020 às 14:37
Publicidade
Publicidade

O repórter Manoel Soares, 40, relatou ao vivo no programa É De Casa (Globo), na manhã deste sábado (9), que sofreu uma situação de racismo nas redes sociais.

O jornalista teve uma foto sua divulgada na web, na qual ele usa uma máscara para se proteger do coronavírus enquanto faz uma reportagem, e um internauta comentou: "Esse preto de máscara. Assalto?".

Publicidade
Publicidade


Junto a um advogado, o repórter falou sobre situações corriqueiras de racismo na internet, e disse que é importante que as pessoas salvem a tela ("deem print") com as ofensas, que serve como prova contra o crime.

Leia mais:

Imagem de destaque
Inscrições abertas

Band abre inscrições para as temporadas do “MasterChef Brasil” em 2024

Imagem de destaque
Parceria de longa data

Ana Hickmann vai apresentar especial de fim de ano na Record; saiba como será

Imagem de destaque
Saiba mais

Luis Miranda e Marcos Veras vão comandar quadros no reality BBB 2024

Imagem de destaque
Entenda

Angelina Jolie diz não conseguir viver livremente após se separar de Brad Pitt


Soares, por sua vez, diz que lida com essas situações olhando para o lado positivo de sua vida. "A gente encontra uma pessoa preconceituosa e centenas de outras pessoas que nos fazem bem. Eu tomei a decisão de olhar pro lado que me faz bem. Não vou dar audiência pra pessoas que não valem a pena", disse Soares. "Não deixe que o racismo paute a vida".

Ao final da reportagem, um dos apresentadores do programa, Zeca Camargo, disse que "essa batalha contra a ignorância é tão forte e tão grave quanto essa do coronavírus".


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade