Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Libertadores

Mano escala Timão 'ideal' pela primeira vez no ano

Agência Estado
10 mar 2010 às 09:30
Continua depois da publicidade

Depois de 14 jogos, Mano Menezes finalmente vai conseguir colocar em campo em 2010 a equipe que desenhou, ainda em dezembro do ano passado. Com William e Chicão recuperados de lesão, e Danilo finalmente pronto para começar uma partida ao lado de Tcheco, o jogo contra o Independiente Medellín, nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), em Bogotá, terá o time dos sonhos.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

A partida é importante e uma vitória deixaria o Corinthians em situação confortável no Grupo 1 da Libertadores. "A gente buscar fazer um planejamento para ter todos os jogadores à disposição nas partidas mais importantes da temporada. Mas esse é só o primeiro ponto. O principal vem depois, que é comprovar isso em campo com bom futebol e resultado. É o que precisamos nesse segundo confronto da Libertadores", disse Mano Menezes, após o treino desta terça em São Paulo.

Continua depois da publicidade


Como embarcou ao meio-dia para Bogotá, o grupo treinou às 7h30, horário inédito com o treinador. A escalação será Felipe; Alessandro, Chicão, William e Roberto Carlos; Ralf (ou Jucilei), Elias, Danilo e Tcheco; Jorge Henrique e Ronaldo.


A culpa por Mano até hoje não ter conseguido escalar esta equipe foram as lesões. Quando Danilo estava adquirindo uma melhor forma física, Ronaldo teve uma lesão muscular na coxa direita. Ficou afastado algumas semanas, quando o camisa 10 estreou, atuou por três partidas, e também sofreu um estiramento. Quando o Fenômeno voltou a atuar era o meia quem estava no departamento médico.


Desde janeiro, Mano diz que a característica dos jogadores que têm em mãos hoje não permite repetir o esquema vitorioso de 2009, com dois atletas abertos nas pontas. Ele sempre esboçou o esquema num clássico 4-4-2, com um primeiro volante, Elias e Tcheco fazendo funções de volante, um pela direita e o outro pela esquerda, e Danilo centralizado como armador.

Continua depois da publicidade

Nos últimos jogos, uma dúvida surgiu na cabeça do treinador: quem colocar como primeiro volante. Ralf sempre foi a primeira opção, mas teve uma atuação desastrada contra o Santos. Mano voltou a testar Jucilei na função. A saída de bola do time melhora, mas a equipe fica mais exposta. E como Mano avisou nesta terça que não quer seu time correndo riscos em Bogotá, ele deve escalar um volante mais pegador, como Ralf. Marcelo Mattos também viajou à Colômbia, mas é a terceira alternativa para a posição.


Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade