Pesquisar

Canais

Serviços

Com aval dos sócios

SAF do Londrina EC é vendida para a Squadra Sports

Pedro Marconi - Grupo Folha
21 jan 2024 às 18:30
- Divulgação/Londrina EC
Publicidade
Publicidade

A venda da SAF (Sociedade Anônima do Futebol) para a Squadra Sports foi sacramentada neste fim de semana, durante assembleia dos sócios. Inicialmente, os associados validaram a aprovação do Conselho de Representantes sobre os termos e registro dos atos constitutivos do Londrina Esporte Clube Sociedade Anônima do Futebol.


Na sequência, deram aval para a proposta vinculante aprovada pelo Conselho de Representantes para a cessão do capital social votante da Londrina Esporte Clube Sociedade Anônima do Futebol. Das 404 pessoas aptas a votar, 84 compareceram, sendo que 71 foram favoráveis ao acordo com o grupo liderado por Guilherme Bellintani, ex-presidente do Bahia.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Cerca de 90% das ações da SAF serão adquiridas pelo empresário do futebol a partir da constituição da empresa. “Tem um comitê de transição que vem fazendo a gestão do futebol. Em paralelo estamos discutindo o acordo de investimentos e tão logo seja construída a SAF, com processo burocrático, constituição na Junta Comercial, vamos concluir a redação dos documentos, aprovar no conselho de representantes, com as assinaturas das partes”, explicou Paulo Assis, CEO da PMK Sports, empresa que presta assessoria para o LEC e que lidera o comitê de transição.

Leia mais:

Imagem de destaque
Não embalou

Londrina EC e Volta Redonda ficam no empate no estádio do Café

Imagem de destaque
Amistosos

Debinha, Bruninha e Laís Estevam são convocadas para a seleção brasileira

Endrick e Estevão Palmeiras
Joias do Palmeiras

Endrick e Estêvão são exemplos de movimento sem volta

Imagem de destaque
Crise

Flamengo sofre com desfalques enquanto Tite busca melhor forma para o time


Após alguns associados mostrarem resistência quanto à comercialização do capital social do Tubarão diante da falta de informações sobre o projeto do investidor, a ideia pela venda ganhou força assim que Bellintani apresentou as ideias para o “novo Londrina”. Ele participou do encontro, realizado sábado (20) no estádio VGD (Vitorino Gonçalves Dias), por meio de chamada de vídeo.


A promessa é um investimento mínimo de aproximadamente R$ 100 milhões no futebol alviceleste pelos próximos seis anos, começando por 2024. Além disso, o futuro dono da equipe afirmou que pretende gastar R$ 17 milhões na viabilização de um centro de treinamento, sendo que R$ 5 milhões serão para melhorias da infraestrutura do VGD e do estádio do Café. A proposta ainda prevê o pagamento de até R$ 22 milhões em dívidas do clube.


SAIBA MAIS NA FOLHA DE LONDRINA.


Imagem
Com aval dos sócios, SAF do Londrina é vendida para a Squadra Sports
Grupo pretende investir cerca de R$ 100 milhões com o futebol alviceleste pelos próximos seis anos; projeto também contempla reformar o VGD
Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade