Pesquisar

Canais

Serviços

Rodrigo Felix Leal/AEN-PR
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Regulamentação

ANS faz consulta pública sobre coberturas dos planos de saúde

Akemi Nitahara/Agência Brasil
08 out 2020 às 11:39
Continua depois da publicidade

A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) inicia nesta quinta (8) uma consulta pública sobre a atualização do Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde que devem ser cobertos pelos planos de saúde nos próximos dois anos. Esta é uma das etapas finais do processo de revisão da lista de cobertura para o ciclo 2019/2020.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


As contribuições pode ser enviadas até o dia 21 de novembro, pelo site da agência. Após este período, as sugestões serão consolidadas e passarão por deliberação da diretoria da ANS, que deverá publicar uma nova Resolução Normativa para atualizar o rol de coberturas mínimas obrigatórias a partir de 2021.

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


Veja as regras para fazer exame de Covid-19 pelo plano de saúde


A consulta envolve 185 propostas com as recomendações técnicas preliminares. Desse total, 138 são relativas a tecnologias em saúde, como medicamentos e procedimentos. A maioria foi encaminhada à agência por meio do formulário eletrônico FormRol.


Diretrizes de Utilização

Continua depois da publicidade


Segundo a ANS, as demais propostas são para alterações em termos descritivos e ajustes em Diretrizes de Utilização, que já foram debatidas em reuniões técnicas da Câmara de Saúde Suplementar (Camss) com os autores das propostas e representantes de entidades do setor.


O atual ciclo de atualização começou em dezembro de 2018, com o recebimento de propostas por três meses por meio do FormRol.


Depois, foi foram feitas a análise de elegibilidade das sugestões, análise técnica sobre as evidências clínicas, avaliação econômica e análise de impacto orçamentário e, por fim, a elaboração das recomendações técnicas que submetidas à atual consulta pública.

Veja também: Planos de saúde perdem 327mil usuários em 4 meses


Continue lendo