Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
“Mutirão Renegocia!”

Procon participa de campanha de renegociação de dívidas no Paraná

Redação Bonde com AEN
22 jul 2023 às 15:00
- Divulgação
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O Procon-PR (Coordenação Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor) e os Procons municipais do Paraná participam a partir de segunda-feira (24) do “Mutirão Renegocia!”, que vai até o dia 11 de agosto. A iniciativa é coordenada pela Senacon (Secretaria Nacional do Consumidor), do Ministério de Justiça e Segurança Pública.


Segundo a Seju (Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania), a ação é destinada a quem está endividado, com necessidade de negociar dívidas existentes, como forma de prevenção ao superendividamento. De acordo com a secretária em exercício da Justiça e Cidadania, Rúbia Rossi, a iniciativa é resultado de atualizações no CDC (Código de Defesa do Consumidor) pela Lei 14.181 de 2021.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


“A campanha põe em prática as ações de prevenção ao superendividamento e o novo entendimento de que o consumidor superendividado é aquele que, com sua renda, não consegue arcar com as necessidades básicas”, diz Rossi.

Leia mais:

Imagem de destaque
Cobranças facilitadas

Pix Automático será lançado para a população em junho de 2025

Imagem de destaque
Veja o calendário!

INSS paga aposentadorias de julho a partir desta quinta-feira

Imagem de destaque
Setor de serviços é destaque

PIB do Paraná deve crescer acima da média nacional, afirmam economistas

Imagem de destaque
Veja os números:

Mega-sena acumula mais uma vez e prêmio sobe para R$ 61 milhões


Ao participar do mutirão, as pessoas terão a oportunidade de renegociar dívidas de forma mais favorável, com condições especiais de pagamento e possíveis descontos. Para participar, o é possível utilizar a plataforma consumidor.gov.br, canal online que permite a interlocução fácil e direta entre consumidores e fornecedores, ou ir até a unidade do Procon mais próxima.

Publicidade


Depois do registro na plataforma, os bancos e instituições financeiras têm o prazo de 10 dias para dar um retorno ao cliente. Em caso de superendividamento, haverá acesso a informações e tratamento adequado para cada caso.


Conforme a coordenadora do Procon-PR, Claudia Silvano, a orientação é que o consumidor  informe, no momento do registro, quais são as condições de pagamento. “É importante que seja estabelecida uma parcela que caiba no bolso do consumidor, para que ele avalie, quando receber as propostas, se poderá arcar com o parcelamento oferecido”, diz.


Podem ser negociadas quaisquer dívidas de consumo, como cartão de crédito, cheque especial, empréstimos - exceto contratos de crédito com garantia real, financiamentos imobiliários e de crédito rural, e pensões alimentícias. A organização da campanha foi alinhada com todos os membros do SND (CSistema Nacional de Defesa do Consumidor), em reunião na sexta-feira passada (14).


Para ter acesso aos canais de atendimento do Procon-PR, basta clicar no link.


Imagem
Consumismo, imediatismo e falta de limites podem afetar a saúde mental de crianças
O Caps (Centro de Atenção Psicossocial) para a Infância e Adolescência é referência municipal no atendimento especializado em saúde mental para crianças, adolescentes e seus familiares.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade