Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Conexão entre PR-445 e BR-369

Impactos ambientais do Contorno Leste preocupam Conselho do Meio Ambiente

Lucas Marcondes - Grupo Folha
10 nov 2023 às 08:35
- Pedro Marconi/Grupo Folha
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Em ofício enviado às três esferas de governo, o Consemma (Conselho Municipal do Meio Ambiente) manifestou “preocupações a respeito dos impactos socioambientais” envolvendo o Contorno Leste. O projeto cria uma conexão entre a PR-445 e a BR-369. 


Lideranças de Londrina asseguram ao menos desde agosto que já têm garantia do governo Lula (PT) para que a obra seja executada por meio do futuro contrato de pedágio a abranger a região.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


São cinco queixas no documento de três páginas entregue na última terça-feira (7) à Prefeitura de Londrina, à Secretaria de Infraestrutura e Logística (Seil) e ao Ministério dos Transportes. Há questionamentos sobre possíveis efeitos negativos da via de quatro pistas à circulação da fauna silvestre. 

Leia mais:

Imagem de destaque
Imunização

Londrina é a primeira cidade do Paraná a vacinar crianças contra a dengue

Imagem de destaque
Na quinta-feira (29)

Obras paralisam abastecimento de água nos conjuntos Farid Libos e Novo Amparo

Imagem de destaque
65 mil pontos de luz

Londrina e Instituto de Tecnologia firmam parceria para gestão da iluminação pública

Imagem de destaque
Muitos livros ao redor

Projeto cultural propõe 'Biblioteca Humana' em espaços de Londrina


Também é indagada a proximidade da rodovia com o Parque Ecológico Dr. Daisaku Ikeda, além do fato de a intervenção, segundo o colegiado, cruzar 10 cursos d’água e uma região classificada pelo próprio governo do Paraná como estratégica para conservação da biodiversidade.

Publicidade


O conselho afirma que a “complexidade ambiental” envolvendo a abertura da nova estrada não tem sido “devidamente considerada”, gerando dúvidas quanto a “inclusão de medidas mitigatórias e compensatórias no orçamento”. 


Se esse fator não for levado em conta, conforme o colegiado, o custo da iniciativa pode subir e “prejudicar o processo de concessão, ou mesmo resultar em taxas de pedágio mais onerosas para a população”.

Publicidade


Vale lembrar que, com base em uma estimativa repassada ainda em agosto por membros do governo federal ao prefeito Marcelo Belinati (PP), a tarifa de pedágio relativa ao lote do Contorno Leste ficaria R$ 0,20 mais cara, de acordo com declaração à época do chefe do Executivo.


CLAREZA


“Os documentos aos quais tivemos acesso não fundamentam a necessidade do empreendimento, tampouco foram apresentados os possíveis benefícios em relação ao custo financeiro e aos impactos socioambientais esperados”, acrescenta o Consemma no ofício assinado por seu presidente, Jonas Pugina.


Leia a reportagem completa na FOLHA DE LONDRINA:


Imagem
Impactos ambientais preocupam Consemma sobre Contorno Leste
Complexidade ambiental da obra deve ser observada, aponta conselho; oficialmente, Ministério dos Transportes não confirma inclusão do trecho
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade