15/11/19
32º/19ºLONDRINA
PUBLICIDADE
Nova denúncia

Moradores voltam a sentir estrondos e tremores em Londrina; veja vídeo!

O Bonde voltou a receber diversas mensagens de moradores da zona leste de Londrina sobre possíveis estrondos registrados na região durante todo o domingo (20) e a madrugada desta segunda-feira (21). Novamente, o barulho de explosão, semelhante a um trovão, foi sentido, principalmente, no jardim Califórnia. "É como se fosse a sensação de um soquete gigante. Faz o barulho e treme. Às vezes unitário e às vezes em cadeia, dá para ir sentindo que vai chegando perto de casa e depois afastando. Não estamos conseguindo dormir... a tensão é horrível, todos estão com medo. Insuportável isso", desabafou uma moradora em mensagem enviada ao Facebook do Bonde.

Os estrondos voltaram a incomodar os moradores exatamente uma semana após o registro de um terremoto de pequena magnitude no jardim Califórnia. O abalo sísmico, de 1,8 na Escala Richter, foi confirmado pelo Centro de Sismologia da Universidade de São Paulo (USP). Na época, o técnico do órgão, José Roberto Barbosa, contou que o evento é difícil de ser previsto e pode acontecer a qualquer momento e em qualquer lugar do planeta. Somente no Brasil, conforme ele, centenas de pequenos abalos sísmicos foram registrados pelas estações de medição do centro neste ano. Procurado nesta segunda, Barbosa informou, apenas, que ainda vai analisar os casos registrados entre ontem e hoje.

Os moradores afetados não ficaram satisfeitos com a explicação envolvendo o possível abalo. "E sem essa de terremoto, porque não tem nada a ver com terremoto", afirmou uma moradora. "Está muito estranho isso. Como pode ser um terremoto se não para de acontecer?", indagou outro.


Fernanda Trento enviou um vídeo ao Bonde com imagens sobre possíveis rachaduras causadas pelos tremores. "Estamos assustados", disse.



O Corpo de Bombeiros confirmou que recebeu uma série de ligações de moradores da zona leste durante todo o domingo. Conforme a corporação, foi recebida uma média de três ligações por turno (manhã, tarde e noite). No entanto, nada de estranho foi encontrado nas localidades.

Já a Defesa Civil ficou em reunião durante toda a manhã discutindo justamente os estrondos e tremores relatados pelos moradores.

(Atualizado às 11h40, com informações da repórter Viviani Costa, da Folha de Londrina)
Guilherme Batista - Redação Bonde
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
comentários
Continue lendo
Em Londrina

Lei Seca Municipal aplica 814 autuações em um ano

Veja mais e a capa do canal