Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Na Zona Norte

Obras do Centro de Bem-Estar Animal devem começar em janeiro de 2024

Pedro Marconi - Grupo Folha
18 dez 2023 às 08:55
- Reprodução
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A mesma empresa de Apucarana (Centro-Norte) - que vai construir o pronto atendimento da região sul de Londrina - ganhou a licitação da obra do Centro de Bem-Estar Animal, que será edificado na rua Antônio Piovesan, no jardim Alpes, na zona norte. 


O edital tinha valor máximo de R$ 6 milhões, sendo R$ 2,8 milhões de repasse do Governo do Estado, R$ 2,2 milhões de contrapartida do município e R$ 1 milhão de emenda parlamentar.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


A Pires Construções e Engenharia apresentou proposta de R$ 4,9 milhões, ou seja, valor R$ 1,1 milhão menor. Sete empreiteiras participaram do certame, que foi aberto em agosto, mas apenas quatro seguiram habilitadas no decorrer das análises. 

Leia mais:

Imagem de destaque
Zona Sul

Revitalização da Praça da Juventude deve iniciar ainda neste mês em Londrina

Imagem de destaque
Veja como ajudar

Família de 'jovem gênio' de Londrina faz campanha para participação em olimpíada de matemática em Nova Iorque

Imagem de destaque
Participação gratuita

Evento da UEL reúne grandes nomes femininos do jornalismo nesta quarta

Imagem de destaque
Investimento de R$ 630 mil

Cultura de Londrina abre edital para a seleção de Vilas Culturais


O prazo para a finalização das intervenções, a partir da assinatura da ordem de serviço, é de 11 meses.

Publicidade


A projeção é de que os trabalhos comecem em janeiro. “A empresa agora vai ter que apresentar a garantia contratual e certidões, depois a autorização ambiental e damos a ordem de serviço para começar. Esse prazo depende da empresa e o órgão licenciador, que é a Sema (Secretaria Municipal do Ambiente). Acreditamos que não será demorado”, explicou Marcelo Canhada, secretário municipal de Planejamento.


O prédio terá cerca de 750 metros quadrados, divididos em “quarentenas” para os animais, lavanderia, laboratórios de parasitologia, entomologia e animais peçonhentos e de análise de água, depósito de ração, necropsia, canis, gatis e cochos, solários, cozinha e banheiros.

Publicidade


Entre outros espaços que serão construídos ainda estão vestiários, almoxarifado, depósito de materiais de limpeza, sala de descanso para a equipe, de reunião, gerência, espaço de banho e tosa, sala de vacina e consultórios.


O custo de pagamento com servidores é estimado em R$ 1,2 milhão, dinheiro que deverá ir para manter médicos-veterinários, enfermeiros-veterinários, setor administrativo e de limpeza, entre outras funções. A ideia do município é de que uma ONG (Organização Não-Governamental) assuma a gestão do lugar. 


“A ONG tem mais agilidade, expertise nesta questão, mas supervisionada pelo poder público”, destacou.


Leia a reportagem completa na FOLHA DE LONDRINA:


Imagem
Obra do Centro de Bem-Estar Animal deve começar em janeiro
Empresa de Apucarana ganhou a licitação para construir a estrutura na zona norte de Londrina voltada a animais de rua
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade