Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Meio ambiente

Perícia do caso Neman Sahyun pode ser decidida hoje

Redação Bonde
22 nov 2007 às 10:53
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O juiz da 8ª Vara Cível, José Rodrigues Alvares Vianna, convocou para esta quinta-feira, às 16h, audiência para discutir o caso do loteamento irregular Neman Sahyun, na zona sul de Londrina.

Na audiência, estarão as partes da ação civil pública promovida pela Ong Meio Ambiente Equilibrado (MAE) em 2003, para que a loteadora indenizasse os moradores e recuperasse o meio ambiente, por vender terrenos debaixo de água e em áreas não permitidas, de preservação ambiental.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Promotoria de Meio Ambiente, Ong MAE, Prefeitura, Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e a Loteadora Pavibras participam da audiência, que tem o intuito de resolver o pagamento da perícia na área, essencial para a definição de indenizações e retirada de residências.

Leia mais:

Imagem de destaque
Fotografias históricas

Kinoarte lança sessão especial de cinema 'Londrina Rumo aos 90 anos'

Imagem de destaque
Atletas da ATRIL

Londrinenses conquistam ouro e bronze em Campeonato de Triathlon em Guaratuba

Imagem de destaque
LED eficiente

Quadras de skate nas regiões norte e oeste recebem iluminação em Londrina

Imagem de destaque
Saiba como doar

Com estoque baixo, HU de Londrina pede doações para o Banco de Leite Humano


A Loteadora, causadora do dano, até agora se nega a pagar. A Justiça não concedeu o bloqueio de terrenos da Pavibrás, a pedido da Ong, para pagar as indenizações e garantir a reparação dos diversos danos ambientais provocados pela ocupação irregular de áreas de preservação permanente.

As informações são do Grupo de Comunicação Ambiental (GCA) e Ong Meio Ambiente Equilibrado (MAE).


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade