Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Tragédia

Estudante é morta e outro é ferido em ataque contra colégio de Cambé

Pedro Marconi - Grupo Folha
19 jun 2023 às 10:47
Foto ilustrativa - SESP-PR
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Uma estudante morreu e outro aluno ficou ferido em um ataque a tiros na manhã desta segunda-feira (19) no Colégio Estadual Professora Helena Kolody, no centro de Cambé (Região Metropolitana de Londrina). Segundo a PM (Polícia Militar), o adolescente que sobreviveu foi encaminhado em estado grave ao HU (Hospital Universitário) em Londrina.


A Polícia Militar também informou que o atirador é um rapaz de 21 anos, que seria ex-aluno da escola. Ele foi preso em flagrante dentro da instituição com mais de 40 munições. O quarteirão onde fica o colégio foi completamente isolado e muitos pais foram preocupados atrás de informações dos filhos.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Uma aluna contou que o jovem disparou pelas janelas. "Quase acertou em mim, foi desesperador", relatou, enquanto era acalmada por amigos.

Leia mais:

Imagem de destaque
Localizado em Paranavaí

Maior núcleo genético de suínos da América Latina começa a comercializar animais

Imagem de destaque
Jorge Guaranho

Justiça nega pedido de prisão domiciliar de bolsonarista que matou petista no Paraná

Imagem de destaque
Por mais de 10 quilômetros

Departamento de Estradas de Rodagem abre edital para obra da duplicação da rodovia entre Arapongas e Sabáudia

Imagem de destaque
Danos

IAT aplica R$ 40,2 milhões em multas por danos ambientais no 1º trimestre de 2024


Nota oficial 

Publicidade


Segundo o governo estadual, o rapaz entrou na escola  alegando que solicitaria o seu histórico escolar.  O governador Carlos Massa Ratinho Junior decretou luto oficial de três dias e lamentou profundamente o ocorrido. Os secretários de Segurança Pública e da Educação estão a caminho da cidade. O ex-aluno já foi detido e encaminhado para Londrina.


Alerta 

Publicidade


O MPPR (Ministério Público do Paraná), por meio do CAOPCAE (Centro de Apoio da Infância, Juventude e Educação), "alerta aos veículos de comunicação e à população em geral que não devem ser divulgadas imagens do atentado, das vítimas e do autor da violência, especialmente nas redes sociais. Como já observado em casos anteriores, tal divulgação pode estimular a ocorrência de novos ataques, além de prejudicar o trabalho de investigação dos órgãos de segurança pública, bem como fomentar um cenário de pânico social que pode ter graves consequências".


CONTINUE LENDO NA FOLHA DE LONDRINA.


Atualizada às 12h51.


Imagem
Estudante é morta em ataque contra colégio de Cambé
Uma estudante morreu e outro aluno ficou ferido em um ataque a tiros na manhã desta segunda-feira (19) no Colégio Estadual Professora Helena Kolody, no centro de Cambé (Região Metropolitana de Londrina)
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade