05/04/20
32º/19ºLONDRINA
PUBLICIDADE
|
Amigos e segurança

Pé na estrada: conheça as caronas solidárias no trecho Londrina-Maringá

Londrina e Maringá: as duas maiores cidades do norte do Paraná são separadas por 98 km de distância. Ligadas pela história, solo e clima, as cidades possuem em comum o fluxo de pessoas que transitam diariamente pelos trechos duplicados das rodovias BR-369 e PR-444, seja por causa do trabalho ou dos estudos.

iStock
iStock


No dia a dia que liga das duas maiores referências do interior paranaense, muitos viajantes abriram mãos dos transportes convencionais e começaram a usar grupos e aplicativos de caronas solidárias.

Criado em 2013, o grupo no Facebook "Caronas: Maringá - Londrina” tem mais de 12 mil participantes. O objetivo é ligar pessoas que procuram e oferecem as caronas, resultando numa forma de auxiliar nas despesas, como o combustível e os dois pedágios administrados pela concessionária Viapar ao preço de R$10,80. A estudante de direito Mayara Grava mora em Londrina e quase toda semana vai até Sarandi, cidade vizinha de Maringá. Ela conta que começou a usar as caronas ainda em 2015 pela praticidade em combinar os locais de embarque e desembarque, além de tornar a viagem mais rápida sem paradas. "Facilitou muito a minha vida após a mudança para Londrina e vejo que facilita a vida de muita gente”, afirma.

APLICATIVOS DE CARONA

Entre as opções para os "caroneiros”, a plataforma online que ficou mais conhecida é a BlaBlaCar. Com quatro anos atuando no Brasil, a empresa francesa já teve mais de 30 milhões de caronas oferecidas no País. Em 2019, o trecho Londrina-Maringá chegou a ter 30 mil caronas oferecidas pelo aplicativo, uma média de 600 caronas semanalmente. Essas cidades juntamente com Curitiba e Ponta Grossa, estão consolidando o Paraná como um dos estados com maior crescimento em caronas na plataforma.

Lai Wei Li tem dois salões de beleza, um em Londrina e o outro em Maringá, e precisa fazer o trajeto de duas a três vezes por semana para administrar os estabelecimentos. Ele conheceu a BlaBlaCar há três meses, primeiro usando o aplicativo como passageiro e depois começou a oferecer suas próprias caronas. Um dos maiores benefícios que ele ressalta é a oportunidade de conhecer novas pessoas e ter o contato com várias histórias. Li conta que até combinou de sair com um amigo que fez durante uma das viagens.

E não foi o único a fazer amigos. Eduardo Vicente, embaixador no aplicativo (nível de experiência mais alto), oferece tantas caronas por causa do seu trabalho em uma multinacional, que já chegou a viajar para a praia, em Florianópolis (SC), com pessoas que conheceu durante as viagens. "Como eu sempre viajava sozinho, foi uma excelente opção o aplicativo, assim as viagens tornaram-se divertidas e mais econômicas.”

BENEFÍCIOS DAS CARONAS

Outra facilidade das caronas compartilhadas é a questão financeira, a passagem de ônibus para o trecho Londrina-Maringá saí em média R$ 38, enquanto o preço das caronas, a maioria é oferecida entre R$ 20 a R$ 25. A estudante Mayara Grava conta que a economia por mês ao pegar caronas fica em torno de R$ 260.

Além disso, a taróloga Silvia Maria Tavares que mora em Londrina e atende clientes em Maringá, ressalta como os condutores são atenciosos com as necessidades dos passageiros, como por exemplo, ir ao banheiro durante a viagem ou parar em algum restaurante. "Agora, só viajo de carona”, acrescenta.

DICAS DE SEGURANÇA

Viajar com pessoas desconhecidas pode causar certo medo e insegurança. Por isso, o ideal é sempre seguir medidas de segurança para que seja uma viagem tranquila. Confira essas dicas:

1) Caso você procure carona nos grupos de Facebook, o recomendado é olhar o perfil das pessoas com quem viajará. Veja se há amigos em comum, publicações antigas no grupo e fotos pessoais publicadas, isso garante que o perfil não seja fake;

2) A BlaBlaCar oferece a opção de você avaliar a carona depois de uma viagem. Quando você estiver procurando por uma, veja a nota do perfil e as avaliações feitas por outros usuários;

3) Sempre envie os dados da pessoa com quem você viajará para um contato confiável. Outra opção é compartilhar a localização em tempo real no WhatsApp.

(*Sob supervisão do editor Rafael Fantin)
Mariane Teles - Estagiária*
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Continue lendo
Entenda
Falha do aplicativo Zoom expõe vídeos privados dos usuários, diz jornal
05/04/2020 08:30
Raptada há 17 anos
Jovem de 24 anos não é menina Luana, indica exame de DNA
04/04/2020 17:32
Veículo era roubado
PRF prende homem que trazia 307 kg de maconha para Londrina
04/04/2020 13:08
Obituário
Falecimentos dos dias 3 e 4 de abril de 2020 em Londrina e região
04/04/2020 13:00
Combate à pandemia
Guardas municipais fecham Zerão, Igapó e parquinhos e mandam pessoas para casa
04/04/2020 12:07
Veja mais e a capa do canal