Pesquisar

Canais

Serviços

- Pixabay
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Estelionato

Flagrante: Quadrilha que furtava dados pela internet é detida em Arapongas

Redação Bonde
20 abr 2021 às 10:11
Continua depois da publicidade

Três homens foram detidos em flagrante, durante a noite desta segunda-feira (19), por adquirirem dados pessoais e bancários, falsificando documentos, em Arapongas (Região Metropolitana de Londrina). A apreensão ocorreu em um apartamento no jardim Primavera que, conforme o boletim, armazenava televisões e perfumes que seriam comprados com o dinheiro do crime.

Continua depois da publicidade


A PM (Polícia Militar) informou que a equipe tentava localizar o suspeito chefe desta quadrilha especializada em fraudes e estelionatos.

Continua depois da publicidade


Durante a tarde, verificou-se o indivíduo saindo do condomínio informado em um veículo Ford Fusion. A abordagem não foi efetuada, e as informações foram repassadas para outra equipe.


Os policiais conseguiram abordar o homem e sua namorada, que, segundo a PM, já respondem por golpes financeiros. O casal negou que já tivesse ido ao condomínio, ficando claro para a polícia a tentativa de ludibriá-los.

Continua depois da publicidade


Com a permissão do porteiro, os policiais foram até o apartamento, que em tese pertence ao abordado, e se identificaram. Com isso, os homens que ali estavam pediram ajuda entre eles para "desligar tudo".


Conforme a PM, um suspeito foi flagrado tentando apagar e encerrar os programas usados para o crime. Outro relatou que adquiriam dados de 10 contas do YouTube por R$ 1.000,00. Após a compra, a quadrilha recebia uma lista com informações de cartões bancários, como número, validade e código de segurança. Em seguida, usavam aplicativos de emulação para gerar simultaneamente várias contas do Google, acessando pagamentos, transferências e compras. Ainda foi constatado a utilização de um site para consultar e adquirir outras informações pessoais.


A polícia destacou que, no imóvel, continham cinco poltronas gamer e quatro notebooks, sendo dois deles ligados em softwares contendo dados de milhares de pessoas. O programa exibia identificações bancárias e documentações. Ainda foram localizados documentos que seriam impressos com a foto dos autores.


Um pen-drive foi encontrado armazenando conta de luz, telefone e CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

Os envolvidos foram detidos em flagrante e encaminhados à 7ª CIPM (Companhia Independente de Polícia Militar).


Continue lendo